Comunicado do governo boliviano suspendendo o registro da Lamia

Divulgação

LANCE!
01/12/2016
15:59
São Paulo (SP)

A Direção Geral da Aeronáutica Civil da Bolívia suspendeu nesta quinta o registro de operação da Lamia, a companhia dona do avião que caiu nos arredores de Medellín com o time da Chapecoense, matando 71 pessoas. Outras seis saíram feridas. 

A informação foi divulgada pela autarquia no Twitter, depois que tomou conhecimento que a aeronave caiu por estar sem combustível. O piloto era um dos donos do avião.

O Ministério das Obras Públicas da Bolívia decidiu mudar os diretores da direção geral da aeronáutica civil e da administração dos aeroportos do país.  Segundo o Executivo, a medida foi tomada para dar mais liberdade às investigações. 

O ministro Milton Claros evitou dar declarações sobre os responsáveis pelo acidente ou sobre as condições de voo.