Fellipe Lucena
09/10/2016
18:59
São Paulo (SP)

Passou longe de ser um show, mas o Palmeiras deu mais um passo importante rumo ao título ao bater o América-MG por 2 a 0 neste domingo, no Estádio do Café, em Londrina. Tchê Tchê, logo no início do jogo, e Alecsandro, já no fim, marcaram os gols. O Verdão, que jogou praticamente em casa mesmo com mando do Coelho, segue com três pontos a mais que o Flamengo.

Foi o primeiro gol de Alecsandro após o caso de "falso doping" que o deixou afastado do futebol por cerca de três meses e que por pouco não o fez encerrar a carreira, já que a pena aplicada inicialmente era de dois anos de gancho. Agora absolvido, o camisa 29 matou a saudade do gol: não marcava desde a vitória por 2 a 0 sobre o Fluminense, em 25 de maio, no Allianz.

Apesar de não ter uma atuação brilhante, o Palmeiras venceu com certa tranquilidade. Eram dois minutos do primeiro tempo e o time já estava na frente. Com imensa liberdade, Tchê Tchê aproveitou a sobra após uma cobrança de escanteio para bater de primeira, da entrada da área, e superar o goleiro João Ricardo.

Um desavisado não levaria muito tempo para descobrir qual das duas equipes lidera o campeonato e qual delas ocupa a última colocação. O América-MG parece jogar em frequência reduzida, sem criatividade para se aproximar do gol e sem firmeza para barrar as investidas do adversário. Toda vez que acelerava, o Verdão levava perigo.

Erik, aos 13 minutos, perdeu ótima oportunidade após tabelar com Dudu e aplicar um bonito corte no marcador. Isso sem falar na ótima defesa de João Ricardo em chute de Róger Guedes, ainda antes de o placar ser inaugurado. O primeiro tempo deixou a impressão de que o Palmeiras poderia marcar mais gols se tirasse o pé do freio.

O panorama não mudou muito depois do intervalo. O Coelho até se lançou mais ao ataque, rondando a área palmeirense, mas não teve qualidade para assustar Jailson. O Palmeiras seguiu em ritmo reduzido, mas conseguiu ampliar a sua vantagem com mais uma amostra da estrela de Cuca: Alecsandro, que saiu do banco, recebeu lançamento de Zé Roberto e se reencontrou com as redes aos 42 minutos.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 0 x 2 PALMEIRAS


Local: Estádio do Café, em Londrina (PR)
Data-hora: 09/10/2016, às 17h
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Auxiliares: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Dibert Pedrosa Moisés (RJ)
Público/renda: 21.773 pagantes (27.895 presentes) / R$ 1.103.380,00
Cartões amarelos: Roger e Gilson (América-MG); Róger Guedes (Palmeiras)
Cartão vermelho: Fernando Leal (do banco de reservas), 9'/2ºT (América-MG)
Gols: Tchê Tchê, 2'/1ºT (0-1); Alecsandro, 42'/2ºT (0-2)

AMÉRICA-MG: João Ricardo, Pablo, Éder Lima, Roger (Messias - 7'/2ºT) e Gilson; Juninho, Leandro Guerreiro, Ernandes (Danilo Barcelos - 35'/2ºT) e Tony; Matheusinho (Osman - 18'/2ºT) e Michael. Técnico: Enderson Moreira.

PALMEIRAS: Jailson, Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Tchê Tchê, Moisés (Cleiton Xavier - 28'/2ºT) e Zé Roberto; Róger Guedes, Erik (Alecsandro - 13'/2ºT) e Dudu (Rafael Marques - 37'/2ºT). Técnico: Cuca.