A equipe de handebol do colégio CAIC Balduíno Barbosa de Deus disputa em março o Mundial de Handebol Escolar. Foto: Divulgação Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE)

As equipes escolares disputam em março o Mundial de Handebol Escolar. Foto: Divulgação Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE)

Tábata Machado
23/01/2016
19:34
Ruan (FR)

O Brasil tem mais uma competição internacional pela frente, em março Ruan será palco do Campeonato Mundial de Handebol Escolar, realizado pela Federação Internacional do Desporto Escolar (ISF)  e a equipe do colégio Caic Professor Balduino Barboza de Deus, do Piauí, e do Colégio Castro Alves, do Espírito Santo, serão os representantes brasileiros nos naipes masculino e feminino, respectivamente.

O sorteio das chaves aconteceu no inicio de janeiro e a as meninas da seleção escolar ficaram no grupo B que ainda conta Turquia, Suécia, República Tcheca e Romênia, o masculino também ficou no grupo B ao lado Hungria, Irã e Suécia.  A competição que inicia em 11 de março e termina em 19 do mesmo mês está em sua 23ª edição conta com a participação de jovens de 15 a 17 anos que representarão 20 países. 

No grupo A da competição feminina estão Áustria, Dinamarca, Eslováquia,  Grécia e Israel, no grupo C Eslovênia, Croácia, Bélgica, Bulgária, Tunísia e Qatar e no grupo D Hungria, França, Alemanha, Holanda e Polônia.

Já no masculino a chave A terá Dinamarca, Turquia, Grécia e Luxemburgo, na chave C Alemanha, Repúlica Tcheca, Israel, Bélgica e  Chipre e na chave D França, Áustria, Polônia e Eslováquia.

Tanto o time do colégio Castro Alves quanto do Caic Professor Balduíno Barboza de Deus conquistaram o direito de representar o Brasil na competição após vencer a etapa nacional dos Jogos Escolares, realizada em novembro de 2015 que aconteceu em Trindade, Goiás.