Gremio (foto:Ricardo Rimoli/LANCE!Press)

Grêmio manteve grande parte da base que conquistou a vaga à Libertadores 2016 (foto:Ricardo Rimoli/LANCE!Press)

LANCE!
20/01/2016
10:15
Porto Alegre (RS)

Em política de austeridade, o Grêmio conseguiu manter as peças-chave do elenco visando à temporada 2016 e ganhou um grande reforço fora das quatro linhas: o crescimento do número de sócios-torcedores.

De acordo com o Movimento por um Futebol Melhor, o Tricolor está próximo da marca de 90 mil associados. Atualmente, o Imortal possui 89.337 afiliados e aparece na quarta colocação do Torcedômetro, ranking geral de adeptos.

Em declarações, a diretoria do clube gaúcho enaltece o potencial dos seus sócios-torcedores. O programa de associados é uma das principais fontes de receita do Tricolor. E para aumentar a quantidade de adeptos, o Grêmio faz ações especiais e oferece diversos benefícios, como os mais de 600 produtos e serviços com desconto das empresas parceiras do Movimento por um Futebol Melhor.

Desde 2013, o Movimento por um Futebol Melhor concedeu cerca de R$ 70 milhões em descontos aos associados. Em julho, o projeto atingiu a histórica marca de 1 milhão de sócios e contribui para uma receita estimada de R$ 400 milhões/ano no futebol brasileiro. Atualmente, o projeto é composto por 67 agremiações de todas as regiões do país.