Hideo Kojima

Pelas informações divulgadas, serão três edições específicas (Foto: Divulgação)

LANCE!
23/07/2019
10:50
Rio de Janeiro (RJ)

Como parte de um painel dedicado à arte do storytelling por diversas mídias, o lendário designer de jogos Hideo Kojima aproveitou a oportunidade para revelar preços e artes das diversas edições de seu próximo jogo, Death Stranding, com lançamento previsto para novembro de 2019, exclusivamente no PlayStation 4.

Pelas informações divulgadas, serão três edições específicas: a padrão, com preço sugerido de US$ 60; uma edição especial com caixa de aço, que sairá por US$ 70; e a edição de colecionador, que também conta com a mesma caixa de aço da versão especial, mas deve custar US$ 200.

Todas as edições apresentam o protagonista Sam Bridges, vivido pelo ator Norman Reedus (o Daryll de The Walking Dead). Nas edições especial e de colecionador, a arte da caixa será a mesma. Kojima, porém, não revelou os conteúdos e benefícios que justifiquem a diferença de preços entre as três edições.

-
Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!
-

(Imagem: Divulgação/Kojima Productions)
(Imagem: Divulgação/Kojima Productions)

Kojima também revelou um detalhe interessante: durante as considerações de elenco de Death Stranding, o designer disse que Keanu Reeves (trilogia Matrix; John Wick), o novo queridinho “de tirar o fôlego” da internet, chegou a ser considerado para exercer algum papel na produção do jogo. Entretanto, depois de algumas reuniões, os estúdios da Kojima Productions optaram por selecionar o dinamarquês Mads Mikkelsen (da série Hannibal).

Reeves acabou ingressando ao elenco de outro jogo altamente aguardado pelos consumidores: Cyberpunk 2077, da CD Projekt Red.

Ainda no painel, Kojima teceu alguns comentários sobre tendências recentes da indústria de jogos. Especificamente, sobre o gênero battle royale: “Quando eu comecei a Kojima Productions, a coisa mais fácil que eu poderia ter feito era um jogo onde todo mundo está em uma ilha, atirando uns nos outros”.

Finalmente, o designer comentou sobre a iminente chegada de jogos via streaming (cloud gaming), protagonizado por projetos como o Stadia (Google) e o Project xCloud (Microsoft). Aqui, Kojima enxerga o tema com bons olhos: “Os jogos também serão [via] streaming. Em um futuro próximo, jogos e filmes estarão mais próximos, em uma categoria similar. Então acho que estamos entrando em uma era com inúmeras possibilidades. Não será apenas uma coisa entre ‘interativo’ e ‘não interativo’, mas algo no meio disso, também”.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech: