Thiago Ferri
03/04/2016
18:07
São Paulo (SP)

Invicto há quatro Dérbis, o Palmeiras começou esta série na semi do Paulistão de 2015, quando após o 2 a 2 no tempo normal, Fernando Prass pegou dois pênaltis e foi decisivo para a classificação à final, em Itaquera. Neste domingo, o Verdão viu seu camisa 1 ser decisivo de novo. Logo após ele defender o pênalti de Lucca, o oportunista Dudu decretou a vitória palmeirense por 1 a 0, para encerrar um tabu de 21 anos sem vitórias em cima do Timão no Pacaembu. Veja a repercussão do jogo no vestiário.

Depois de um início de domingo triste, com novas brigas de torcidas e inclusive a morte de uma pessoa, os dois times entraram em campo com opções distintas: o Verdão de Cuca com a marcação adiantada desde o início, para pressionar a saída de bola alvinegra. O Timão de Tite, enquanto isso, mostrou-se frio como sempre e foi tão organizado quanto o rival para correr poucos riscos. Confira como foi o jogo lance a lance.

Cada time teve uma boa chance na primeira etapa: Giovanni Augusto, para o Timão, e Gabriel Jesus, pelo Verdão.

O Corinthians, com mais posse de bola, não conseguia sair da boa marcação alviverde. O Palmeiras, embora se mostrasse bem mais organizado do que nos últimos jogos, ainda apostou muito nos cruzamentos. Foi assim que veio sua melhor chance até então, com Alecsandro. Cássio fez linda defesa, à queima roupa.

O Timão, ao seu estilo, soube conter a pressão e passou a chegar mais ao ataque. O bote estava pronto quando Giovanni Augusto foi derrubado por Thiago Martins na área; pênalti que Lucca iria cobrar. Se em 2015 Elias e Petros foram as vítimas, nesta tarde foi o camisa 30 quem viu Prass voar no canto direito e fazer a defesa. Terceiro pênalti seguido perdido pelo Corinthians nesta temporada.


O castigo foi imediato. Em cobrança de falta, após Cássio sair mal do gol, Dudu, recuperado de lesão, e há poucos minutos em campo, foi oportunista e fez o gol.

O resultado encerra um jejum de 13 jogos do Palmeiras contra o Corinthians no Pacaembu e premia o bom jogo alviverde, que chega mais seguro e empolgado para outra decisão, quarta, na Libertadores. O Timão, já líder da chave no Estadual, vai também para uma decisão na Liberta, mas já com o jejum de mais de um ano sem vencer seu maior rival.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 X 0 CORINTHIANS

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data-Hora: 3/4/2016 - 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza
Auxiliares: Carlos Augusto Nogueira Junior e Anderson Jose de M. Coelho
Público/Renda: 21.219 pagantes / R$ 644.765,00
Cartões amarelos: Gabriel Jesus, Arouca, Egídio e Alecsandro (PAL), Lucca, Felipe e Giovanni Augusto (COR)
Gols: Dudu 32' 2ºT (1-0)

PALMEIRAS: Fernando Prass, Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Arouca (Lucas 27' 2ºT), Gabriel (Thiago Santos 38' 2ºT), Robinho (Dudu 16' 2ºT) e Zé Roberto; Gabriel Jesus e Alecsandro. Técnico: Cuca

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Yago, Felipe e Uendel; Bruno Henrique, Elias (Maycon 8' 2ºT), Giovanni Augusto, Guilherme (Romero 12' 2ºT) e Lucca (Danilo 37' 2ºT); André. Técnico: Tite