Paulo Victor Reis e João Mércio Gomes
20/07/2016
19:23
Rio de Janeiro (RJ)

Principal reforço desta janela de transferências, o meia Diego foi apresentado na Gávea sob muita expectativa nesta quarta-feira. Com a sede do clube lotada de torcedores do lado de fora, o reforço recebeu a camisa das mãos do presidente Eduardo Bandeira de Mello e garantiu estar preparado para corresponder às expectativas:

- O que a torcida pode esperar é um Diego 100% concentrado e encarando esse desafio como um recomeço. Entro nesse projeto como um garoto de 16 anos que começou a jogar. Nas últimas temporadas não encontrei o meu melhor nível e acho que o Flamengo é um excelente clube para isso acontecer. É para isso que eu vim - afirmou o camisa 35.

Mesmo admitindo não estar no auge do seu futebol nas últimas temporadas, Diego acredita que ainda pode voltar a sua melhor forma jogando no Brasil. O jogador deixou claro que, depois de 12 anos na Europa, teve uma evolução no futebol.

- Mudou muita coisa. Tenho 31 anos, passei por cinco países diferentes. Porém, a essência permanece. Grande parte se recorda (do meu futebol). Evoluí muito. A experiência, disciplina tática. É o que aconteceu comigo. Estou mais bem preparado - disse o jogador, que exaltou o Flamengo em seguida.

- Voltar para o Flamengo, para um clube dessa grandeza, era a melhor coisa que podia acontecer na minha vida. Sem dúvida essa parceria tem tudo para dar certo.

Mesmo depois do anúncio oficial, o reforço rubro-negro ainda não estará à disposição de Zé Ricardo para a próxima partida. O jogador precisa resolver questões burocráticas na Turquia e só deve treinar no Ninho na semana que vem.