Fellipe Lucena e Thiago Ferri
27/11/2016
23:26
São Paulo (SP)

O elenco do Palmeiras foi comemorar o título brasileiro em um trio elétrico que fechou a avenida Paulista. Sob o comando de Alexandre Mattos, bastante empolgado, jogadores e comissão técnica fizeram a festa com a torcida. Sobraram provocações aos rivais e o pedido para Cuca renovar.

Gritos como "vai tomar no c..., cheirinho é meu p..." e "Santos o c..., lugar de peixe é dentro do aquário" embalaram o grupo. Fernando Prass ainda segurou uma faixa com os dizeres "Chupa gambá".


Durante a festa, Mattos chamou a maior parte dos jogadores para falar com a torcida. Com Cuca, o diretor de futebol pediu para a torcida gritar "fica!". O contrato do técnico vence em dezembro e sua intenção a princípio é sair. O clube ainda fará esforço para mantê-lo.

- Nunca neguei que sou palmeirense. Deus foi tão bom que me fez ser campeão no time que eu sempre torci. Sou campeão duas vezes, como treinador e como torcedor - disse Cuca, para a vibração dos palmeirenses na avenida.

Outros discursos marcaram a celebração como o de Zé Roberto, que aos 42 anos conquistou o seu primeiro Brasileiro. O camisa 11, que já jogou por Real Madrid e Bayern de Munique, disse não ter dúvidas de que o Palmeiras é o maior clube de sua carreira. Dudu, capitão da conquista, puxou a música que embalou o título. No ritmo de "Partiu", do MC Kekel, o camisa 7 falou:

- Tô fechado com o Verdão e agora não tem mais conversa! Fui! Partiu! O enea é do Palestra.