Léo Duarte recebeu orientação de Juan (Gilvan de Souza / Flamengo)

Léo Duarte recebeu orientação de Juan (Gilvan de Souza / Flamengo)

Paulo Victor Reis
15/05/2016
08:00
Volta Redonda (RJ)

Na noite de sexta-feira, véspera da estreia do Flamengo no Campeonato Brasileiro, o zagueiro Léo Duarte foi chamado para uma conversa com o técnico Muricy Ramalho. O atleta 19 anos ouviu que seria escalado como titular diante do Sport porque Wallace pediu para não deixar o clube. Confiante, o jovem defensor aceitou prontamente e se mostrou muito feliz com a oportunidade. 

No jogo, Léo teve uma atuação segura e chamou atenção positivamente. Ele mostrou personalidade e não se intimidou com a missão de substituir o ex-capitão.

- A vantagem é que o Léo participou de quase todos os treinamentos durante a semana, mas do outro lado. Temos muita esperança nele, mas precisamos ter cuidado. Quando resolvemos o problema com o Wallace, ele (Léo) disse que estava pronto para jogar na hora: 'Era a oportunidade que eu estava precisando e buscando' - relatou o técnico Muricy Ramalho, cheio de elogios para o jovem comandado.

- Ele foi muito bem pela dificuldade. Estava concentrado de última hora. Muita tranquilidade para o que faz no treinamento. Não tinha receio, foi muito seguro. Conversei com o Juan para orientar o menino - contou o treinador.

Na arquibancada do Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, a mãe de Léo Duarte, Fernanda Campos, e a namorada do jogador, Tamires Schuck, acompanharam tudo atentamente. As duas deram forças para o jovem fazer um bom papel em campo. 

Após esta atuação segura, Léo Duarte ganha força para ser utilizado mais vezes por Muricy Ramalho. O jovem deve seguir como titular até a chegada dos reforços para a zaga. Enquanto isso, ele terá tempo para mostrar seu futebol e convencer o treinador de que pode brigar por uma vaga no time titular.

Mãe e namorada de Léo Duarte na arquibancada do Raulino (Reprodução)
Mãe e namorada de Léo Duarte na arquibancada do Raulino (Reprodução)