LANCE!
30/09/2016
09:30
Santos (SP)

É inegável que o torcedor santista ainda sinta falta de Gabigol, negociado no fim de agosto com a Inter de Milão, da Itália. Mas enquanto o técnico Dorival Júnior luta para encaixar novas peças, o colombiano Copete eleva seus números e surge como opção para assumir o protagonismo.

Desde a despedida de Gabigol, na derrota para o Figueirense, na Vila Belmiro, o time realizou sete partidas, obteve quatro vitórias, um empate e duas derrotas. Durante esse último mês, a equipe marcou 11 gols e Copete foi o jogador que mais balançou as redes: três vezes.

- Fico feliz porque estou conseguindo ajudar a equipe. Apesar do pouco tempo no Brasil, eu e minha família estamos cada vez mais adaptados à cidade. O ótimo ambiente do nosso elenco também ajuda demais e espero seguir evoluindo a cada partida. Sei que posso melhorar ainda mais e o objetivo é esse - disse o colombiano sobre a boa fase.

E a próxima oportunidade de o camisa 36 confirmar a boa fase é já neste sábado, quando o Santos recebe o Atlético-PR em confronto direto por uma vaga no G4 do Brasileirão. Ciente da importância do confronto, Copete só pensa em ajudar.

- Aqui no Brasil não tem nenhum jogo fácil e o campeonato é bem equilibrado. Essa partida é muito importante para nós porque o Atlético Paranaense também está brigando pelas primeiras posições. É um confronto direto e teremos a chance de abrir mais três pontos deles. Se perdermos, eles empatam com a gente. Então temos que entrar ligados desde o início para conseguir um bom resultado e permanecer no G4 - analisou.