Vôlei Nestlé fechou com a oposta Paula (Deco Pires/Fotojump)

Vôlei Nestlé fechou com a oposto Paula (Deco Pires/Fotojump)

LANCE!
06/06/2016
17:01
Osasco (SP)

Destaque da última Superliga jogando pelo Pinheiros, a oposto Ana Paula Borgo fechou contrato com o Vôlei Nestlé para a temporada 2016/17. Ela foi a quinta maior pontuadora da última edição, com 363 acertos, sendo 328 em ataques, a terceira melhor neste fundamento, além de 30 em bloqueios e cinco em aces. Convocada para a Seleção Brasileira B, que disputou o torneio de Montreux, na Suíça, a atleta de 22 anos colocou 52 bolas no chão nas três vezes que entrou em quadra e teve papel relevante com a camisa do Brasil.

– Sempre tive vontade de jogar em Osasco. Será uma experiência muito legal para mim. É o sonho de toda jogadora atuar em um clube de alto nível e com jogadoras de seleção em seu elenco. Estou encarando positivamente e tenho certeza de que será uma ótima temporada e com bastante aprendizado. Estou feliz de ter fechado com o Vôlei Nestlé – afirma a oposta, sétima confirmada no elenco. Antes dela, o Vôlei Nestlé divulgou as renovações de Dani Lins, Camila Brait, Saraelen e Gabi e as chegadas de Carol Albuquerque e Tandara.

– O bom desempenho na edição passada dá uma levantada na nossa autoestima. Espero trazer as coisas boas, mas sempre com objetivo de buscar melhorar ainda mais. Joguei algumas vezes contra a torcida de Osasco, inclusive em uma final de Paulista, e sempre fez a diferença. Estou empolgada em tê-la a meu favor e espero que sigam torcendo e apoiando o Vôlei Nestlé. Estou bem contente de fazer parte desta família – disse Paula.

Ana Paula Borgo Bedani da Cruz nasceu em Bauru (SP), no dia 20 de outubro de 1993. Com 1,87m e 76kg, a jogadora iniciou sua carreira em São Caetano, com 15 anos. Após seis anos atuando pelo São Cristóvão Saúde/São Caetano, a atleta transferiu-se para o Pinheiros, onde atuou nas disputas de 2015/16.

– A Paula é uma jogadora que estava sob nossa observação e sua contratação se encaixa perfeitamente ao nosso projeto. É uma atleta jovem, com muita qualidade e que tem o DNA do Vôlei Nestlé e do trabalho que realizamos na equipe de Osasco. Ela se destacou bastante na última Superliga e fez por merecer essa oportunidade – analisou o treinador.

No torneio de Montreux, que terminou neste final de semana, Paula foi a maior pontuadora da seleção brasileira em dois dos quatro jogos. Ela anotou 27 pontos na derrota para a Turquia, por 3 a 2, e 17 na vitória sobre a Bélgica, por 3 a 0. Gabi e Saraelen foram as outras duas representantes do Vôlei Nestlé no elenco que representou o Brasil nesta competição internacional.