Com Larissa e Talita invictas, Brasil avança com três duplas à fase eliminatória

Esta é a penúltima etapa do Circuito Mundial antes dos Jogos Olímpicos (Foto: Mihai Stetcu/Divulgação)

RADAR/LANCE!
07/07/2016
21:04
Gstaad (SUI)

O Brasil avançou com três duplas à fase eliminatória do Major Series de Gstaad, na Suíça, nesta quinta-feira. Larissa/Talita voltaram a vencer e, invictas, foram direto às oitavas de final. Juliana/Taiana e Lili/Maria Elisa também venceram, mas terão que disputar a repescagem por não terem terminado em primeiro em seus grupos.

Além da repescagem e oitavas de final, nesta sexta-feira também ocorrem as disputas das quartas de final. As semifinais e finais serão realizadas no sábado. Esta é a penúltima etapa do Circuito Mundial antes dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.


Juliana e Taiana, pela repescagem, encaram as gregas Vasiliki Arvaniti e Panagiota Karagkouni. Será o primeiro encontro entre as duas equipes. Em caso de vitória, as brasileiras encaram nas oitavas as alemãs Laura Ludwig e Kira Walkenhorst. Lili e Maria Elisa duelam também pela primeira vez contra as holandesas Van der Vlist e Van Gestel. Se vencerem, terão pela frente outra dupla holandesa: Meppelink e Van Iersel.

Nas oitavas de final, Larissa e Talita encaram o time vencedor da partida entre as canadenses Sarah Pavan/Bansley contra as suíças Hüberli/Betschart.

No grupo A, nesta quinta-feira, Larissa e Talita venceram as canadenses Broder e Valjas por 2 sets a 0 (21/17, 21/15), em 30 minutos, garantindo a primeira colocação sem perderem nenhum set. Na mesma chave, Juliana e Taiana se recuperaram dos dois tropeços na estreia e venceram as holandesas Daalderop e Stubbe por 2 a 0 (21/14, 21/19), terminando na segunda colocação, após um empate triplo em pontos.

Lili e Maria Elisa conquistaram a segunda vitória no torneio ao superarem as norte-americanas Dicello e Vanzwieten por 2 sets a 0 (21/17, 21/17), em 33 minutos. Elas avançaram na segunda colocação do grupo E. Por fim, Duda e Elize Maia, que haviam perdido duas vezes na estreia, foram superadas novamente nesta quinta, por 2 sets a 1 (21/17, 18/21, 9/15), em uma hora. Elas deram adeus ao torneio na fase de grupos.

Esta é a 31ª vez que Gstaad recebe uma etapa, tendo sediado 15 eventos no naipe masculino e 16 no naipe feminino. Além da pequena vila aos pés dos Alpes, a cidade de Lucerna também recebeu um evento Open em 2015. O Brasil lidera o quadro de medalha em ambos os naipes na Suíça, com 20 medalhas no masculino e outras 20 no feminino.

A etapa de Gstaad dará 57 mil dólares às duplas campeãs, distribuindo 800 mil dólares em premiações no total. Os campeões somam 800 pontos no ranking do Circuito Mundial. Após a parada na Suíça, o tour mundial segue para o Major Series de Klagenfurt, na Áustria, na última etapa antes do início dos Jogos Olímpicos.