icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
24/08/2015
15:29

A seleção brasileira masculina sub-23 começou com vitória a luta pelo bicampeonato do Mundial da categoria. Nesta segunda-feira, o Brasil venceu o México por 3 sets a 0 (25/14, 25/15 e 25/16), em 1h13 de jogo, em Dubai, nos Emirados Árabes. Brasileiros e mexicanos estão no grupo B ao lado da Rússia, da Turquia, da Argentina e da Tunísia. Já o grupo A conta com Cuba, Coréia do Sul, Itália, Iran, Egito e Emirados Árabes.

No Mundial Sub-23, as equipes se enfrentarão dentro dos seus respectivos grupos e as duas melhores classificadas em cada chave passarão às semifinais. O Brasil voltará à quadra às 12h (horário de Brasília) desta terça-feira contra a Rússia.

O oposto Alan foi o maior pontuador da partida, com 16 pontos. O ponteiro Kadu e o central Aracaju colaboraram com sete pontos cada um.

O Brasil começou a partida com o levantador Thiaguinho, o oposto Alan, os ponteiros Kadu e Douglas, os centrais Aracaju e Flávio, além do líbero Rogerinho. Entraram durante o jogo o levantador Fernando, os ponteiros Henrique Batagim e João, o oposto Wagner e o central Éder.

O treinador Rubinho comentou sobre a estreia do Brasil no Mundial e o principal objetivo dos brasileiros na competição.

- Foi uma boa partida. Nós sacamos bem e isso colocou o adversário sob pressão. Temos que pensar em um dia de cada vez. Teremos mais um jogo importante amanhã contra a Rússia que também será difícil. Nosso principal objetivo é chegar à semifinal.

O levantador e capitão Thiaguinho elogiou a atuação do time verde e amarelo.

- Foi uma boa partida. Nós jogamos muito bem e todos os jogadores contribuíram para o resultado positivo. Vamos ter muitos jogos até as finais e precisamos da participação de todos os jogadores. Estamos felizes de começar com a vitória - finalizou Thiaguinho.

A seleção brasileira masculina sub-23 começou com vitória a luta pelo bicampeonato do Mundial da categoria. Nesta segunda-feira, o Brasil venceu o México por 3 sets a 0 (25/14, 25/15 e 25/16), em 1h13 de jogo, em Dubai, nos Emirados Árabes. Brasileiros e mexicanos estão no grupo B ao lado da Rússia, da Turquia, da Argentina e da Tunísia. Já o grupo A conta com Cuba, Coréia do Sul, Itália, Iran, Egito e Emirados Árabes.

No Mundial Sub-23, as equipes se enfrentarão dentro dos seus respectivos grupos e as duas melhores classificadas em cada chave passarão às semifinais. O Brasil voltará à quadra às 12h (horário de Brasília) desta terça-feira contra a Rússia.

O oposto Alan foi o maior pontuador da partida, com 16 pontos. O ponteiro Kadu e o central Aracaju colaboraram com sete pontos cada um.

O Brasil começou a partida com o levantador Thiaguinho, o oposto Alan, os ponteiros Kadu e Douglas, os centrais Aracaju e Flávio, além do líbero Rogerinho. Entraram durante o jogo o levantador Fernando, os ponteiros Henrique Batagim e João, o oposto Wagner e o central Éder.

O treinador Rubinho comentou sobre a estreia do Brasil no Mundial e o principal objetivo dos brasileiros na competição.

- Foi uma boa partida. Nós sacamos bem e isso colocou o adversário sob pressão. Temos que pensar em um dia de cada vez. Teremos mais um jogo importante amanhã contra a Rússia que também será difícil. Nosso principal objetivo é chegar à semifinal.

O levantador e capitão Thiaguinho elogiou a atuação do time verde e amarelo.

- Foi uma boa partida. Nós jogamos muito bem e todos os jogadores contribuíram para o resultado positivo. Vamos ter muitos jogos até as finais e precisamos da participação de todos os jogadores. Estamos felizes de começar com a vitória - finalizou Thiaguinho.