Vôlei Nestlé venceu a primeira partida das quartas de final da Superliga contra o Brasília (Foto: João Pires/FotoJump)

Adenízia (esq.) defendeu o Vôlei Nestlé, de Osasco, por 15 anos em sua carreira  (Foto: João Pires/FotoJump)

LANCE!
30/05/2016
18:22
São Paulo (SP)

A história de Adenízia e do Vôlei Nestlé, de Osasco, se confundem em diversos momentos. Porém, após 15 anos de parceria, a central e a equipe tomarão caminhos opostos, já que a atleta assinou com o Savino Del Bene Volley, da Itália.

A partir do segundo semestre desse ano, a ex-jogadora de Osasco, de 29 anos, irá atuar pela primeira vez na Itália. Por meio de uma rede social, a atleta aproveitou para agradecer seu ex-time.

Pela equipe paulista, Adenízia conquistou diversos títulos, como o bicampeonato da Superliga (2010 e 2012), o título Mundial (2012), e o Sul-Americano de Clubes (2009, 2010, 2011 e 2012), além de três títulos paulistas e um da Copa Brasil.

Pela Seleção Brasileira, a central também acumula conquistas, sendo a maior delas o ouro olímpico em Londres (ING), em 2012. além disso, soma três ouros em Grand Prix, uma prata e um bronze mundiais e o título da Copa dos Campeões

Confira a nota oficial publicada pela atleta:

"E assim eu encerro mais um ciclo na minha vida. Foram 15 anos de muita dedicação, muito amor, vitórias, derrotas, choro de alegria e tristeza. Aqui construí uma vida, me entreguei à torcida e ao povo osasquense. Ninguém sabe o que já passei naquele ginásio. Sentirei saudades dos trabalhadores da prefeitura, do Tigrinho que guardava os carros do estacionamento, dos seguranças, do tio do nosso estacionamento, do ginásio, do time…

Hoje estou feliz e triste. Feliz porque terei novos desafios, e é assim que minha vida funciona, e triste porque irei deixar meu coração aqui com a Torcida Loucos de Osasco. Sentirei falta desse ginásio lotado gritando: 'Campeão Mundial! Nada mais me interessa!'. Com muito orgulho, posso falar que ganhei tudo na minha vida por esse clube, obrigada a todos que acreditaram e que duvidaram de mim. Foi para o meu crescimento e evolução.

Obrigada Sérgio Negrão por me trazer para esse time, obrigada Celso Barbuto por me manter aqui, obrigada Luizomar por me lançar em Osasco e me ajudar a ser quem sou hoje, obrigada todas as meninas que já passaram aqui e me ajudaram a conquistar todos os títulos! Foram 15 anos de muitas felicidades e amor. Hoje sou oficialmente jogadora da Itália, irei me de dedicar 100% ao Savino Del Bene Volley".