Presidente do Vasco Eurico Miranda durante festa de encerramento do Carioca na segunda-feira (Foto: David Nascimento/LANCE!Press)

Presidente do Vasco Eurico Miranda em festa de encerramento do Carioca (Foto: David Nascimento/LANCE!Press)

David Nascimento
10/05/2016
09:30
Rio de Janeiro (RJ)

O Campeonato Carioca chegou ao fim. O Vasco alcançou o título de forma invicta, comemorou, mas agora já volta a se atentar ao trabalho para a sequência de temporada. Um dos assuntos vistos como prioridade em São Januário é em relação ao elenco. Virão reforços? Jogadores em fim de contrato terão os vínculos renovados? O técnico Jorginho e o presidente Eurico Miranda querem resolver estas e outras questões o mais rápido possível, a princípio tendo o fim deste mês como prazo.

Herói no domingo, o zagueiro Rafael Vaz é um dos jogadores com pendências. O seu contrato com o Vasco é válido até o dia 6 de junho, mas o clube ainda não procurou o empresário Reinaldo Pitta para tratar sobre a renovação. O próprio Jorginho cobrou uma definição sobre o assunto, citando outros nomes em fim de vínculo, como Diguinho (contrato até 15 de junho) e Riascos (até domingo) - os dois já estão com as renovações sendo negociadas.

- O mais importante é manter os que estão terminando contrato, como o próprio Rafael Vaz, Diguinho e Riascos. Queremos contar muito com eles, a diretoria sabe disso. Peço todo o esforço para que eles permaneçam - afirmou Jorginho, que ainda completou sobre as contratações. O técnico do Vasco deseja reforços pontuais, como as posições de lateral-direito e volante:

- Já estamos tendo conversas internas sobre algumas possibilidades para o Vasco nesta sequência da temporada. Sabemos o quanto queremos alcançar. Para isso, precisamos de grupo de qualidade, contratações pontuais. Mas é uma pauta que vamos fazer nessa viagem. Vamos ficar de terça-feira até sábado fora. Serão contratações bem pontuais.

Além dos citados, Guilherme Costa, Leandrão, Montoya e Jeferson retornam de empréstimo nos próximos dias para São Januário e serão avaliados pelo técnico Jorginho para que seja definido se serão aprovetados ou novamente emprestados. Durante a festa de encerramento do Carioca na noite de segunda-feira, Riascos foi sucinto, mas pregou esperança:

- Estou feliz pelo título. Nesta semana mantenho a concentração e aguardo uma definição do meu futuro com esperança.

Enquanto não há uma definição, a torcida do Vasco segue comemoração o título do Campeonato Carioca. Na manhã desta terça-fera, dá prosseguimento na Copa do Brasil e no sábado, o pontapé inicial na Série B do Campeonato Brasileiro. Os torcedores vascaínos desejam que o bom futebol continue e seja coroado no fim do ano com o retorno à elite nacional, independentemente com quais jogadores integrarem o grupo de São Januário.