Eurico Miranda - Vasco x Madureira, Campeonato Carioca (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

Eurico Miranda se comprometeu em manter os salários em dia (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

João Matheus Ferreira
06/11/2015
17:11
Rio de Janeiro (RJ)

Às vésperas da importante partida do Vasco contra o Palmeiras, a diretoria quitou o último e mais antigo débito com jogadores e funcionários. Os salários de dezembro do ano passado e o 13º salário também de 2014 foram finalmente quitados junto aos que permaneceram no clube. Os dirigentes cruz-maltinos não informam a origem do montante que possibilitou o feito. Informalmente, lembram expressão utilizada por Eurico Miranda na última quinta-feira: "Foi um milagre vascaíno", disseram alguns.

As dívidas foram deixadas pela gestão Roberto Dinamite, que encerrou o ciclo no Vasco há quase um ano. Eurico Miranda voltou à cadeira da presidência e havia prometido manter salários em dia, o que foi cumprido plenamente nos primeiros meses. Houve alguns atrasos, principalmente após o Campeonato Carioca, mas, agora, tudo está em dia, inclusive essa dívida mais antiga.