Rodrigo e Juan (foto:Pedro Martins/Agif/Gilvan de Souza/Flamengo

Rodrigo e Juan são as caras de Vasco e Flamengo para o clássico (Fotos:Pedro Martins/Agif/Gilvan de Souza/Flamengo)

LANCE!
13/02/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Nos dias atuais, é cada vez mais difícil encontrar jogadores identificados com os clubes que defendem. Para o clássico deste domingo, entre Vasco e Flamengo, em São Januário, dois nomes experientes que jogam lá atrás são alguns dos principais personagens do jogo: Rodrigo, capitão do Vasco, e Juan, ídolo do Flamengo.

Pelo lado vascaíno, Rodrigo já viveu fases de amor e ódio com a torcida. No período complicado do time em 2015, chegou a levar um tapa de um torcedor, mas superou o momento e até pelo jeitão polêmico e provocador dentro e fora das quatro linhas, ganha a confiança e o apoio dos vascaínos nesses momentos em que a rivalidade aflora. E com o Flamengo, ela realmente é muito grande. Na pré-temporada, o camisa 3 foi questionado sobre os rivais e evitou até falar o nome do Rubro-Negro nos microfones.

Já Juan tem um estilo muito diferente de Rodrigo. Mais calmo e sereno, é difícil vê-lo fora do sério. E assim como o zagueiro adversário, Juan tem uma longa história com a camisa rubro-negra. Multicampeão na sua primeira passagem pelo clube, ele pretende voltar a conquistar títulos. E sabe o quanto vencer clássicos como este – na casa do adversário – é importante.

– Todo clássico é especial em todo lugar. Já vivi muitos outros clássicos e é sempre uma rivalidade grande. Jogador que está acostumado a confrontar seu rival sabe o que é um grande clássico.

E o torcedor espera que depois de tantas polêmicas fora de campo, a rivalidade fique apenas para dentro das quatro linhas e que o clássico seja protagonizado por nomes como Rodrigo e Juan.