RADAR/LANCE!
09/06/2016
18:23
Rio de Janeiro (RJ)

Marcas para serem quebradas. Essa parece ser a sina do Vasco em 2016. Afinal de contas, a equipe do técnico Jorginho já alcançou números importantes e históricos, como os sete meses de invencibilidade ou 34 jogos sem perder, o que já coloca o atual time como o recordista levando em consideração apenas jogos oficiais. Neste sábado, contra o Atlético-GO, pela oitava rodada da Série B do Brasileiro, Nenê & cia pode igualar a marca do Expresso da Vitória dos anos de 1945/1946. Mas não apenas isso.

Caso alcance o sétimo triunfo em oito partidas nesta edição da Série B, o Vasco assegura também o melhor início de um clube grande na competição neste século. Até o momento, o Cruz-Maltino, que disputa pela terceira vez a Segunda Divisão, acumula seis vitórias e um empate, mesmo desempenho do Corinthians (2008) e Botafogo (2015) - 90,5% de aproveitamento. Se superar o Atlético-GO, em Cariacica, o Gigante da Colina passaria os dois alvinegros, pois ambos empataram seus compromissos na respectivas ocasiões. 

Vale ressaltar também que o atual time do Vasco já superou o desempenho das edições de 2009 (12 pontos ou 57% de aproveitamento) e 2014 (nove pontos ou 43% de aproveitamento). Além de já igualar as marcar de Corinthians e Botafogo, o Cruz-Maltino já havia superado também os bons inícios do Palmeiras, em 2013, e do próprio rival carioca na campanha de 2003, quando a competição ainda não era disputada no atual formato.

Confira abaixo o desempenho dos grandes na Série B neste século nas sete primeiras rodadas:

2003
Botafogo - 14 pontos (quatro vitórias, dois empates e uma derrota)
Palmeiras - 10 pontos (duas vitórias, quatro empates e uma derrota)

2005
Grêmio - nove pontos (duas vitórias, três empates e duas derrotas)

2006
Atlético-MG - 12 pontos (três vitórias, três empates e uma derrota)

2008
Corinthians - 19 pontos (seis vitórias e um empate)

2009
Vasco - 12 pontos (três vitórias, três empates e uma derrota)

2013
Palmeiras - 15 pontos (cinco vitórias e duas derrotas)

2014
Vasco - nove pontos* (duas vitórias, quatro empates e uma derrota)

2015
Botafogo - 19 pontos (seis vitórias e um empate)