Vasco x Volta Redonda
David Nascimento
03/04/2016
18:06
Rio de Janeiro (RJ)

Nenê viveu neste domingo um dia atípico. Fez mais um gol pelo Vasco, mas também desperdiçou um pênalti, situação que ele não passava desde 2011, ainda pelo PSG, da França. O erro custou caro, já que fez com que a partida diante do Volta Redonda, em São Januário, terminasse em 1 a 1. O empate deixou o Vasco fora da liderança da Taça Guanabara para o Fluminense e adiou a confirmação da vaga para a semifinal do Carioca, apesar de ter mantido a invencibilidade – agora de 18 jogos.

Sem Julio dos Santos e Jorge Henrique, suspensos, e Riascos, liberado para acompanhar o nascimento do filho, Jorginho colocou o Vasco com Bruno Gallo no meio e Caio Monteiro no ataque. O entrosamento não foi o dos melhores, com muitos erros de passe e marcação. Tanto que a primeira chance clara de gol foi do Volta Redonda, em chute de Vinicius Pacheco na trave de Martin Silva.

Para corrigir estes erros ainda no primeiro tempo, Jorginho sacou Bruno Gallo e colocou Yago Pikachu, visando dar maior qualidade no meio. E a tentativa deu certo. O Vasco passou a preencher os espaços até então vazios com maior facilidade e chegou ao gol aos 44 minutos. Pikachu colocou com perfeição Madson em profundidade. Ele achou Nenê na área, que não desperdiçou para fazer o sexto gol em 12 jogos no ano.

Na volta do intervalo, o Vasco manteve o ritmo da segunda metade da etapa inicial, com menos erros e mais chances. A busca pelo segundo gol foi tanta que aos 16 minutos do segundo tempo, Yago Pikachu sofreu falta na grande área, e o árbitro marcou pênalti. Nenê foi para a cobrança e Mota defendeu. Primeiro pênalti desperdiçado por Nenê no Vasco em dez cobranças. A torcida, na hora, o ovacionou mesmo assim.


O Volta Redonda continuou na luta e chegou ao empate aos 28 minutos. Vinicius Pacheco cobrou falta, Rodrigo se atrapalhou e Niltinho, livre, mandou a bola para o gol. O Vasco até foi para o tudo ou nada em busca da vitória mais uma vez, mas não conseguiu. Agora, é manter o ânimo e esquecer o dia atípico de Nenê.

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 X 1 VOLTA REDONDA

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 3/4/2016 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Garcia Cavaleiro(RJ)
Auxiliares: Michael Correia (RJ) e Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ)
Renda/público: R$ 141.025,00 / 4.443 pagantes
Cartões amarelos: Andrezinho, Rodrigo (VAS) e Marcelo, Tiago Amaral (VOL)
Cartão vermelho: Nenhum

GOLS: Nenê 44'/1ºT (1-0) e Niltinho 28'/2ºT (1-1)

VASCO: Martín Silva, Madson, Rodrigo, Luan e Julio Cesar; Bruno Gallo (Yago Pikachu - 32'/1ºT), Marcelo Mattos, Andrezinho e Nenê; Caio Monteiro (Wilian Barbio - 22'/2ºT) e Thalles. Técnico: Jorginho.

VOLTA REDONDA: Mota, Luiz Gustavo (Marrone - Intervalo), Luan, Mailson e Cristiano; Bruno Barra, Marcelo, Vinícius Pacheco (Hugo - 35'/2ºT) e Dija Baiano; Tiago Amaral (Pedro - 42'/2ºT) e Niltinho. Técnico: Felipe Surian.