icons.title signature.placeholder João Matheus Ferreira
icons.title signature.placeholder João Matheus Ferreira
21/08/2015
12:04

A vitória sobre o Flamengo na última quarta-feira, pela Copa do Brasil, já é passado em São Januário. Na manhã desta sexta, após o último treino antes do jogo contra o Goiás, neste sábado, às 18h30, no Serra Dourada, o técnico Jorginho pediu que o Vasco vire o foco para o Campeonato Brasileiro. Afinal, a equipe precisa urgentemente de uma reação na competição.

- É o nosso segredo para ter que brigar por alguma coisa. Temos que ter uma consistência no Vasco. Não é porque o jogo passado foi contra o Flamengo que vamos ficar eufóricos. Nossa situação requer estado de alerta o tempo todo. Vamos buscar comprometimento em todo momento. É isso que vai definir nosso futuro - comentou o treinador vascaíno.

Mais cedo, os jogadores fizeram um trabalho tático em campo reduzido, mas a atividade só foi aberta para a imprensa quando os titulares já haviam saído do gramado. Apesar disso, o Cruz-Maltino vai a campo com o mesmo time que venceu o Flamengo, na quarta: Martin Silva; Madson, Anderson Salles, Rodrigo e Christianno; Serginho e Guiñazú; Julio dos Santos, Nenê e Jorge Henrique; Riascos.

A vitória sobre a equipe goiana é fundamental porque o Vasco está na lanterna do Campeonato Brasileiro, com apenas 13 pontos em 19 rodadas. Atualmente, a distância para sair da zona de rebaixamento é de sete pontos.

A vitória sobre o Flamengo na última quarta-feira, pela Copa do Brasil, já é passado em São Januário. Na manhã desta sexta, após o último treino antes do jogo contra o Goiás, neste sábado, às 18h30, no Serra Dourada, o técnico Jorginho pediu que o Vasco vire o foco para o Campeonato Brasileiro. Afinal, a equipe precisa urgentemente de uma reação na competição.

- É o nosso segredo para ter que brigar por alguma coisa. Temos que ter uma consistência no Vasco. Não é porque o jogo passado foi contra o Flamengo que vamos ficar eufóricos. Nossa situação requer estado de alerta o tempo todo. Vamos buscar comprometimento em todo momento. É isso que vai definir nosso futuro - comentou o treinador vascaíno.

Mais cedo, os jogadores fizeram um trabalho tático em campo reduzido, mas a atividade só foi aberta para a imprensa quando os titulares já haviam saído do gramado. Apesar disso, o Cruz-Maltino vai a campo com o mesmo time que venceu o Flamengo, na quarta: Martin Silva; Madson, Anderson Salles, Rodrigo e Christianno; Serginho e Guiñazú; Julio dos Santos, Nenê e Jorge Henrique; Riascos.

A vitória sobre a equipe goiana é fundamental porque o Vasco está na lanterna do Campeonato Brasileiro, com apenas 13 pontos em 19 rodadas. Atualmente, a distância para sair da zona de rebaixamento é de sete pontos.