icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/08/2015
11:10

Jorge Henrique começou a partida desta quarta-feira e teve chances, mas foi com a saída dele que o herói do jogo apareceu. Rafael Silva fez o gol de empate do Vasco, e o atacante que cedeu o lugar valorizou o companheiro. Enalteceu também a disposição do Vasco contra o Flamengo, independentemente da vantagem do empate.

- Não é quem tem vantagem, é quem tem mais vontade. Temos um grupo forte, não é quem está como titular que decide sempre. O banco decide também e provamos ter um grupo forte - lembrou.

Jorge Henrique fez o gol da vitória sobre o Rubro-Negro na semana passada, mas foi expulso no fim de semana. Por isso não joga contra o Figueirense, neste fim de semana. Importante neste Clássico dos Milhões, o próprio Rafael Silva sai na frente na disputa por uma vaga entre os titulares.

O time deve ter também o retorno de Luan na vaga de Rodrigo, suspenso pelo cartão vermelho na última partida pelo Brasileiro. O titular estava lesionado, mas já ficou no banco de reservas nesta quarta.

E MAIS:
> Martin Silva exalta classificação: 'O grupo demonstra que está unido'


Jorge Henrique começou a partida desta quarta-feira e teve chances, mas foi com a saída dele que o herói do jogo apareceu. Rafael Silva fez o gol de empate do Vasco, e o atacante que cedeu o lugar valorizou o companheiro. Enalteceu também a disposição do Vasco contra o Flamengo, independentemente da vantagem do empate.

- Não é quem tem vantagem, é quem tem mais vontade. Temos um grupo forte, não é quem está como titular que decide sempre. O banco decide também e provamos ter um grupo forte - lembrou.

Jorge Henrique fez o gol da vitória sobre o Rubro-Negro na semana passada, mas foi expulso no fim de semana. Por isso não joga contra o Figueirense, neste fim de semana. Importante neste Clássico dos Milhões, o próprio Rafael Silva sai na frente na disputa por uma vaga entre os titulares.

O time deve ter também o retorno de Luan na vaga de Rodrigo, suspenso pelo cartão vermelho na última partida pelo Brasileiro. O titular estava lesionado, mas já ficou no banco de reservas nesta quarta.

E MAIS:
> Martin Silva exalta classificação: 'O grupo demonstra que está unido'