Treino do Vasco

Jean espera jogo difícil, mas diz que Vasco tem capacidade de jogar de igual para igual (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

LANCE!
14/09/2017
07:25
Rio de Janeiro (RJ)

Embalado por duas vitórias no Brasileirão, o Vasco vai encarar o Corinthians em um momento complicado na competição, no domingo. Depois de passar o primeiro turno invicto, o líder do campeonato vem de três derrotas seguidas, sendo duas na Arena Corinthians contra equipes que estão na zona de rebaixamento. Porém, o mau momento do time paulista não ilude jogadores e comissão técnica do Cruz-Maltino. O discurso no clube é de que a má fase vai deixar a partida ainda mais complicada e por isso é importante ter respeito e atenção redobrada.

- Vai ser um jogo muito difícil. Não é à toa que o Corinthians é o líder do campeonato e lidera vários índices técnicos. Eles vêm de resultados negativos, mas temos que destacar que na maioria dos jogos que o Corinthians perdeu, não jogou mal. Eles perderam errando muito o gol, com posse de bola alta. Então temos que ser cautelosos em falar desses resultados negativos. Uma equipe que tem uma grande vantagem sobre o segundo colocado mesmo com três derrotas não é uma que a gente pode chegar lá e falar que vai peitar só porque está numa fase ruim. Temos que saber respeitar igual contra o Grêmio - disse o volante Jean.

Emprestado ao Vasco pelo Corinthians no início deste ano, Jean ainda tem muitos amigos no Timão e mantém contato com eles. Segundo o volante, os adversários estão focados para dar a volta por cima contra o Cruz-Maltino e por isso é preciso esperar o rival com ainda mais motivação.

- Estão totalmente focados, sabem que vão ter que dar um algo a mais contra nós nesse jogo para dar a volta por cima e acabar com tudo que estão falando em relação a eles. Vão se desdobrar contra nós, ainda mais dentro da casa deles. Então, a gente pode esperar uma equipe correndo o dobro do que estava correndo antes.

No entanto, o volante deu a receita para o Vasco voltar com os três pontos para o Rio de Janeiro. Jean disse que o Vasco não pode ser afoito e entrar no jogo do adversário. Ele destaca que a equipe está numa crescente no campeonato e tem capacidade de impor seu ritmo na partida também.

- A gente precisa administrar o jogo, não ser afoito, não entrar no jogo do Corinthians. Nosso time também está em uma crescente muito boa. Vencemos um clássico e também superamos o Grêmio, uma das equipes mais fortes do país. E jogamos um futebol parelho. Então, hoje temos um poderio também para chegar lá e impor nosso estilo de jogo também. Mas não quer dizer que vamos esperar um jogo fácil.