David Nascimento
04/12/2016
13:15
Rio de Janeiro (RJ)

O jogo 3 da final do Campeonato Carioca de basquete entre Vasco e Flamengo, que decidirá o campeão em meio de uma série marcada por polêmicas, pode sofrer novas mudanças. Inicialmente marcado para terça-feira no Ginásio do Tijuca Tênis Clube com entrada liberada somente de flamenguistas por serem os mandantes e o local liberar somente torcida única por conta da segurança, a decisão tem que mudar de ginásio. Apenas assim que a partida acontecerá, segundo o presidente vascaíno Eurico Miranda.

Eurico Miranda enviou ofício à Federação de basquete do Rio de Janeiro ratificando a decisão. No texto, o mandatário do Vasco afirma que o Tijuca Tênis Clube não oferece total garantia de integridade física aos atletas e membros da comissão técnica. Na semana passada, episódio de briga de torcedores do Flamengo nos arredores do local em partida válida pelo Novo Basquete Brasil gerou a prisão de algumas pessoas da torcida, inclusive. O presidente da equipe de São Januário ressalta no texto que deixar a partida acontecer neste ginásio seria o mesmo que "virar de costas" e colocar a vida das pessoas em risco.

Até a publicação desta reportagem, a Federação de basquete do Rio não se pronunciou sobre o caso. Vale lembrar que a série decisiva entre Vasco e Flamengo na final do Carioca da modalidade está empatada em 1 a 1 e quem vencer o jogo 3 soltará o grito de "é campeão".