Jorginho e Zinho de bate-papo - Vasco x Oeste

Jorginho e Zinho devem repetir esquema tático contra o Santos pela Copa do Brasil (Jorge Rodrigues/Eleven)

LANCE!
18/09/2016
15:42
Rio de Janeiro (RJ)

Jorginho tinha todos os jogadores à disposição para montar a que que enfrentaria o Joinville, na´ultima sexta-feira, na Colina Histórica. Mostrou ousadia ao deixar Jorge Henrique no banco e apostar em Junior Dutra para formar a dupla de ataque ao lado de Ederson.

O esquema 4-2-3-1, citado por ele próprio em entrevista após o jogo, contou com o retorno de marcelo mattos ao meio-campo, que começa a ganhar forma. E a movimentação em campo dos jogadores agradou tanto ao técnico vascaíno, que ele deve se dar ao "luxo" de repetir o esquema contra o Santos, quarta-feira, pelo duelo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

Satisfeito pelo desempenho dos jogadores no último jogo, Jorginho, no entanto, reconhece o esforço da diretoria cruz-maltina para montar uma equipe competitiva em meio às dificuldades financeiras.

- Junior Dutra e Éderson foram situações que caíram no nosso colo. Sabemos que o Vasco não tem as mesmas condições de uma equipe de Primeira Divisão. O presidente está fazendo o melhor para que tudo corra bem, pagando dívidas. Tínhamos outras opções, foram sondados alguns outros atacantes, mas vimos que era muito caro. O Junior Dutra era um jogador livre, o Vasco só pagaria o salário dele. Juntou a fome com a vontade de comer. Tanto ele quanto o Éderson. Isso tudo facilitou para nós. Ao mesmo tempo são jogadores que eu conheço bem e sei que podem dar certo. Foi uma coisa boa financeiramente falando e sei que os dois podem dar resultados pro Vasco esse ano e também no ano que vem - explicou o técnico.