David Nascimento
30/07/2016
22:55
Rio de Janeiro (RJ)

Na despedida de São Januário antes da parada da Série B do Campeonato Brasileiro por conta do Rio 2016, o Vasco deu alegrias ao seu torcedor. Na noite deste sábado, a equipe comandada por Jorginho derrotou o Criciúma por 2 a 1, se manteve na liderança e ampliou a diferença para o segundo colocado, o Ceará, para quatro pontos, e confirmou a liderança final do primeiro turno. Na terça-feira, os vascaínos vão até o Castelão para o último jogo antes da paralisação.

Para um jogo às 21h de um sábado, os jogadores de Vasco e Criciúma entraram em campo sem a disposição esperada. Os 25 minutos iniciais não foram de lances de perigo. O máximo visto foi aos 12 minutos, quando Diego Giaretta afastou cruzamento de Julio Cesar. A bola chegou a entrar para os catarinenses dois minutos mais tarde com Roberto, mas o gol foi anulado com marcação de impedimento.

O primeiro lance real de gol aconteceu apenas aos 28. Éderson avançou pela esquerda e bateu colocado, obrigando o goleiro Luiz a fazer grande defesa e evitar que o Vasco ficasse na frente. Nove minutos depois, porém, o arqueiro do Criciúma não teve a sorte. Madson passou pela direita para Éderson, mais uma vez provando ter estrela e estufando as redes. Aos 44, Diego Giaretta aproveitou sobra e igualou o placar para os catarinenses.

Diferentemente dos 45 minutos iniciais, o começo do segundo tempo foi eletrizante. Aos cinco, Jorge Henrique mandou na trave de Luiz, por pouco o Vasco não ficou de novo na frente do placar. Já aos dez, foi a vez do Criciúma responder. João Afonso mandou forte para o gol, Martin Silva ainda tocou na bola antes de bater no travessão. Nos minutos seguintes, a partida ficou um pouco truncada no meio.

Com os quase quatro mil torcedores que foram apoiar em São Januário, o Vasco voltou a pressionar e chegou ao gol da vitória aos 27 minutos. Jorge Henrique lançou para a grande área, o goleiro Luiz demorou para decidir o que iria fazer e Thalles, oportunista, não desperdiçou a oportunidade para garantir os três pontos para a equipe vascaína. Roberto Cavallo, técnico do Criciúma, até tentou mudar o panorama com substituições, mas já era tarde.

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 X 1 CRICIÚMA


Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 30/7/2016, 21h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Assistentes: Rogerio Pablos Zanardo (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
Público/renda: 3.460 pagantes/R$ 108.040,00
Cartões amarelos: Diguinho, Henrique, Rodrigo, Rafael Marques (VAS) e Elvis, João Afonso (CRI)

GOLS: Éderson 37'/1ºT (1-0), Diego Giaretta 44'/1ºT (1-1) e Thalles 27'/2ºT (2-1)

VASCO: Martin Silva, Madson, Rodrigo, Rafael Marques e Julio Cesar (Henrique 36'/1ºT); Diguinho, Andrezinho e Yago Pikachu (Junior Dutra 11'/2ºT); Jorge Henrique, Thalles e Éderson (Eder Luis 17'/2ºT). Técnico: Jorginho.

CRICIÚMA: Luiz, Ricardinho, Raphael Silva, Diego Giaretta e Marlon (Alex Maranhão 37'/2ºT); João Afonso (Gabriel Leite 32'/2ºT), Douglas Moreira, Juninho e Elvis; Gustavo e Roberto. Técnico: Roberto Cavallo.