Marcelo Mattos Vasco

Marcelo Mattos está em alta com a camisa do Vasco (Foto: Paulo Fernandes/Vasco)

LANCE!
17/03/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Com pouco dinheiro para 2016, o Vasco investiu pouco em contratações para a temporada. A prioridade da diretoria foi manter o time, que mesmo rebaixado, terminou o Campeonato Brasileiro em alta. Para a disputa do Carioca, apenas dois reforços foram contratados pela diretoria. O primeiro foi o lateral-direito Yago Pikachu. O segundo foi o experiente volante Marcelo Mattos.

Apesar do currículo vitorioso, com grandes clubes e passagens pela Europa, a contratação não empolgou muito os torcedores vascaínos. A temporada de 2015 não foi das melhores, com uma saída inesperada do Botafogo e uma passagem apagada pelo Vitória. Mas a proposta do Vasco chegou, e Mattos resolveu aproveitar a nova oportunidade que o destino lhe proporcionava.

Com percentual de gordura alto, forma física longe dos demais jogadores do grupo, a chegada foi com muito trabalho. Na pré-temporada, foram atividades físicas intensas e muita disposição. Aos poucos, foi ganhando massa magra e a confiança da comissão técnica. Experiente, esperou pela sua vez e teve logo um teste de fogo na estreia: o clássico contra o Flamengo. Em campo, não decepcionou e como recompensa ganhou a titularidade. Mesmo assim, o discurso segue sendo o do trabalho.

– No dia a dia, tudo vai acontecendo, evoluindo. Mas não pode se acomodar nunca, sempre tem esse medo quando se está atingindo o topo, quando se está muito bem, chegar acomodação. Estamos invictos, mas nossa equipe tem jogadores experientes, o grupo sabe identificar esse ingrediente de acomodação e acabar com ele – explica Mattos.

Conhecido por ser um jogador que briga muito e destrói jogadas, Marcelo Mattos tem chamado atenção de Jorginho de outra forma. Em campo, o volante vem mostrando qualidade com a bola no pé e tem alto índice de acerto nos passes (92% segundo o Footstats). Apesar do excelente aproveitamento, o jogador ainda quer melhorar.

– Tivemos maior posse de bola no último jogo, mas precisamos melhorar nas bolas paradas, jogadas ensaiadas do adversário. Temos que aproveitar o momento de invencibilidade e aumentar a confiança. Vamos brigar por esse bi do Carioca – ressalta o camisa 5.

É confiando na força do elenco e na qualidade de jogadores que vem surpreendendo a torcida na temporada que os vascaínos esperam por um final feliz na competição estadual. Se depender de Marcelo Mattos, o bi já é do Vasco.