sub-20 do vasco

Robinho, Dudu e Rafael França palestraram para os mais jovens no Vasco (Paulo Fernandes/Vasco)

LANCE!
31/08/2017
16:55
Rio de Janeiro (RJ)

Titulares do time do Vasco campeão do Carioca sub-20, Rafael França, Dudu e Robinho palestraram na última quarta-feira para integrantes das equipes chupetinha, fraldinha, pré-mirim e mirim. Mostrando a medalha de ouro no peito, os jovens abordaram experiências do início da carreira e do quanto é preciso ter perseverança e disciplina.

- Procurei falar pra eles pra insistirem sempre naquilo que almejam, no sonho deles. Eles não podem deixar nunca que outras pessoas digam que eles não vão conseguir. Passei por algumas situações complicadas ao longo da minha trajetória, mas segui batalhando. Tive que perseverar bastante para reverter cada um dos problemas e conquistar um espaço dentro do clube - afirmou o meia Dudu.

Desde os cinco anos no Cruz-Maltino, Robinho disse que passou um filme em sua cabeça ao falar com os mais novos. Ele lembrou que já esteve do outro lado e disse que procurou passar a importância de vestir a camisa do Vasco.

- Foi muito gratificante e agradeço bastante ao clube por me convidar para participar desse projeto. Realmente passou um filme na minha cabeça, lembrei da minha chegada no clube. Eu era como eles, tinha um sonho, queria ser como os jogadores que estavam no profissional e hoje, graças a Deus, estou perto de atingir meu objetivo. Procurei passar para eles como é importante vestir e honrar a camisa do Vasco - contou Robinho.

Já Rafael França frisou a importância do trabalho em grupo. Segundo ele, isso é importante para o trabalho e assim o time fica mais forte.

- Sozinhos somos fortes, juntos somos mais ainda. Quando o grupo está unânime na luta por uma situação, todos buscam o mesmo objetivo, ele se torna mais forte, se transforma numa família. Estar num ambiente como esse é fundamental para o desenvolvimento do trabalho. O coletivo forte conquista títulos e ajuda o individual. É essencial que vocês tenham respeito ao clube, ao companheiro, aos professores e aos familiares - afirmou Rafael.

A iniciativa faz parte do 'Papo na Colina', criado em 2015. O projeto tem o objetivo de fortalecer a raiz cruz-maltina dos jogadores das categorias de base do Vasco.