LANCEPRESS! - (Brazil Out) - Rio de Janeiro - 29.11.2015 - Foto de Wagner Meier/Lancepress! - Campeonato Brasileiro 2015 Série A - Décima Sétima Rodada - Vasco x Santos - Local : São Januário -  NF:  Nenê comemora seu gol.

Nenê comanda o Vasco em São Januário (Foto: Wagner Meier/LANCE!Press)

David Nascimento
16/09/2016
08:00
Rio de Janeiro (RJ)

Nos momentos que precisa, São Januário sempre mostra a sua força e, junto da torcida, vira o camisa 12 do Vasco em campo. Faltando pouco para o fim da temporada, nesta sexta-feira, às 21h30, diante do Joinville, a equipe dá início em mais uma sequência decisiva, a mais importante do ano até agora, onde precisará mais do que nunca da força de seu estádio para alcançar os objetivos. O site do LANCE! transmite em tempo real.

A partida, válida pela Série B do Campeonato Brasileiro, ganhou em importância pelo fato de o Vasco estar ainda como líder por conta do critério de desempate (está empatado com o Atlético-GO nos 45 pontos, mas tem 13 vitórias contra 12). No sábado da semana que vem, pega justamente o time goiano, de novo em casa, e precisa embalar para não deixar escapar o retorno à elite do futebol brasileiro de 2017.

Entre estes dois jogos, também em São Januário, o Vasco tem a volta das oitavas de final da Copa do Brasil, diante do Santos. Na ida, a equipe foi derrotada por 3 a 1 e, agora, precisa vencer por 2 a 0 ou três gols de diferença para avançar às quartas e seguir vivo na busca da cereja do bolo, que dá vaga à Copa Libertadores em 2017. Maior estrela vascaína, o camisa 10 Nenê comentou sobre a importância do estádio para as vitórias e confiança.

– Temos que ter mais intensidade nesta reta final da Série B. Visando nos distanciar ainda mais do quinto colocado e ficarmos mais tranquilos pelo acesso. Temos que ir com tudo diante do Joinville. É importante a presença do torcedor. É uma coisa que sempre precisamos, ainda mais jogando em casa. Ir com confiança para ir com uma maior ainda diante do Santos na semana que vem – afirmou o meia.

A força de São Januário tem provas em seu histórico quase centenário. O Vasco cresce quando joga em casa e tem o apoio do torcedor. Lado a lado com isto, os objetivos têm tudo para serem alcançados.