Vasco x Botafogo (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)
Felippe Rocha
27/03/2016
18:04
Rio de Janeiro (RJ)

Em São Januário, quem manda é o Vasco! Mesmo com uma atuação valente do Botafogo, o time da casa foi letal quando atacou. Num passe de Nenê e gol de Thalles, foi decretado o 1 a 0 e a liderança da equipe no Campeonato Carioca. Para o time de General Severiano, um sabor mais do que amargo. Além de derrotado, viu o Fluminense - que venceu o Boavista - ultrapassá-lo na tabela da Taça Guanabara. Aliás, o Botafogo (quarto colocado) está na frente do Flamengo (quinto) simplesmente porque tem um gol a mais. 

Mas foi o Glorioso quem começou melhor. Foram três escanteios em sequência ainda antes dos cinco minutos. Após um deles, Ribamar chutou e Madson travou. Mas aos seis minutos, o mesmo Madson recebeu o tradicional lançamento de Julio dos Santos e foi a vez de a zaga visitante precisar afastar o perigo para longe.

O Vasco tinha mais posse de bola, mas demorou até conseguir fazer seu jogo encaixar. O Botafogo avançava a marcação e arriscou chutes de média distância com Salgueiro, Airton e Ribamar. Gegê cobrou uma falta na barreira, aos 16 minutos.

Até que, aos 25 minutos, a técnica de Nenê sobrou, e o camisa 10 cruz-maltino acertou passe preciso para Thalles. O centroavante chutou forte de esquerda e foi direto para a torcida. Na comemoração, tirou a camisa, e mostrou que está em boa forma física. Levou cartão amarelo. Aos 42, Gegê cruzou para Ribamar, que escorou para o gol. A arbitragem marcou impedimento duvidoso.

Na segunda etapa, mesmo que de forma menos intensa, o Botafogo seguiu tentando pressionar. Aos 11 minutos, Emerson cabeceou no travessão, após escanteio. O Cruz-Maltino não conseguia sair do campo de defesa, mas a pressão de Salgueiro e companhia não tinha êxito. Neilton, aos 16 minutos, e Ribamar, aos 24, desperdiçaram boas oportunidades.

Aos 28, foi Bruno Silva quem perdeu chance inrível, de cabeça, após cruzamento de Salgueiro. Na reta final da partida, o Vasco conseguiu recuperar um pouco do campo de jogo. Nenê teve uma chance cara a cara com Jefferson, aos 37. Melhor para o goleiro. O Glorioso chegou a ter quatro escanteios em sequência, mas não adiantou. O Campeonato Carioca, agora, tem apenas um time invicto. Seu nome é Vasco da Gama.

FICHA TÉCNICA:
​VASCO 1 X 0 BOTAFOGO

DATA/HORA: 27/3/16, às 16h
LOCAL: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
​ÁRBITRO: ROdrigo Nunes de Sá (RJ)
AUXILIARES: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Diogo Carvalho Silva (RJ)
CARTÕES AMARELOS: Rodrigo, Julio dos Santos, Jorge Henrique, Jordi e Thalles (VAS), Diego e Airton (BOT)
CARTÕES VERMELHOS:
PÚBLICO E RENDA: 6.483 pagantes; 7.314 presentes; R$ 232.590,00

GOL: Thalles (25'/1ºT)

VASCO: Jordi, Madson (Yago Pikachu, 39'/2ºT), Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Julio dos Santos (Bruno Gallo, 25'/2ºT), Andrezinho e Nenê; Thalles e Jorge Henrique (Caio Monteiro, 25'/2ºT) - Técnico: Jorginho.

BOTAFOGO: Jefferson, Diego, Carli, Emerson (Renan Fonseca, 18'/2ºT) e Diogo Barbosa; Airton, Bruno Silva e Rodrigo Lindoso (Nuñez, 32'/2ºT); Salgueiro e Gegê (Neilton, 25'/2ºT); Ribamar - Técnico: Ricardo Gomes.