Vasco x Remo

Nenê e Caio Monteiro estiveram entre os melhores (Foto: Paulo Sergio/Lancepress!)

Matheus Dantas
28/04/2016
00:39
Rio de Janeiro (RJ)

O Vasco se classificou para a próxima fase da Copa do Brasil nesta quarta-feira. Para a partida contra o Remo, em São Januário, o técnico Jorginho optou por um time misto. Acabou que os destaques na vitória por 2 a 1 teve como destaques dois garotos - Evander e Caio Monteiro -e dois veteranos - Martin Silva e Nenê.

7,5
Martin Silva

Após um primeiro tempo sem sustos, foi muito exigido no fim. Fez grandes defesas, mas não foi bem no gol do rival.

6,0
Yago Pikachu

Foi bastante acionado no campo de ataque, mas não teve bom aproveitamento ao chegar na linha de fundo.

5,0
Rafael Vaz

Mostrou insegurança na marcação e na saída de bola. Acabou salvando a atuação ao marcar o segundo gol.

6,0
Luan

Marcou muito bem o centroavante Ciro, dando pouquissímas chances ao adversário. Na bola aérea, ficou devendo.

6,5
Henrique

Teve trabalho na marcação do lado direito do Remo, e não comprometeu. Mostrou qualidade quando foi ao ataque.

5,0
Marcelo Mattos

Atrapalhou-se na saída de bola algumas vezes e ainda perdeu grande chance de abrir o placar na primeira etapa.

4,5
Diguinho

Atuação ruim: muitos toques laterais, pouca objetividade. Na hora de marcar, cometeu faltas desnecessárias.

7,5
Evander

Mostrou personalidade, arriscando bons chutes e passes. Cresceu na etapa final e participou dos dois gols do Vasco.

6,5
Nenê

Cresceu de rendimento na etapa final. Dentro da área, deu assistência perfeita para o gol de Caio Monteiro.

5,5
Eder Luis

Deu opção pelos dois lados, mas - como sempre - finalizou mal e perdeu a melhor chance do Vasco. Acabou substituído.

6,0
Riascos

Buscou as jogadas laterais e, na primeira etapa, cabeceou duas vezes com perigo. Caiu de produção e deixou a partida.

7,0
Caio Monteiro

Entrou, mostrou estrela e abriu o placar em sua primeira participação. Mostrou velocidade e criou boas jogadas.

6,0
Thalles

Entrou já no segundo tempo e logo sentiu uma lesão. Com as substituições feitas, apenas ficou em campo.

6,0
Andrey

Mais um garoto das bases do Vasco, entrou nos minutos finais e pouco pôde fazer, além de ajudar na defesa.

6,5
Jorginho

A utilização de jogadores da base com sucesso foi o lado positivo. A defesa, no entanto, apresentou falhas.

Vasco x Remo
Jorginho utilizou alguns jovens (Foto: Paulo Sergio/Lancepress!)

REMO
6,5
Fernando Henrique

Fez boas defesas e não teve culpa nos gols.

6,5
Levy

Fez bons desarmes e foi a principal saída do Remo pelo lado direito.

5,0
Henrique

Desatento, foi quem mais teve dificuldades na marcação.

6,0
Max

Cometeu algumas faltas e marcou o gol de honra do Remo.

5,5
Fabiano

Alternou momentos bons e ruins na marcação e também no ataque.

6,0
Lucas Garcia

Errou passes no início, mas melhorou no decorrer do jogo.

5,5
Chicão

Teve a melhor chance do Remo, mas parou em Martin Silva.

5,0
Alisson

Pouco tocou na bola e demorou a ser substituído.

6,0
Eduardo Ramos

Correu os 90 minutos e armou bons ataques.

5,5
Marco Goiano

Mostrou qualidade com a bola, mas sem chances de marcar.

5,0
Ciro

Preso entre os zagueiros, foi pouco acionado durante a partida.

6,5
Welthon

Entrou no segundo tempo e tornou o time do Remo mais ofensivo.

6,0
João Vitor

Entrou em campo já nos minutos finais e ainda conseguiu dar um bom chute contra o gol de Martin Silva.

6,5
Marcelo Veiga

A equipe do Remo teve bons momentos na partida e chegou a ter boas chances para fazer mais gols.