David Nascimento
27/08/2016
20:01
Rio de Janeiro (RJ)

No terceiro empate seguido do Vasco na Série B, o destaque da equipe foi o experiente Andrezinho. Sem Nenê, ele assumiu a responsabilidade por armar a equipe e ainda fez um gol. Foi sua a nota mais alta entre os cruz-maltinos diante do Tupi. Confira as notas: 

TUPI

5,5
Rafael

Foi displicente em alguns momentos da partida, fazendo faltas desnecessárias fora da área.

6,0
Vinicius Kiss

Aproveitou bem as descidas pela direita.

5,5
Gabriel Santos

Errou algumas saídas de bola para contra-ataques.

5,0
Bruno

Falhou na marcação.

6,0
Luiz Paulo

Cumpriu bem o seu papel, levando velocidade pela esquerda.

6,5
Renan

Fez bem a ligação entre os setores e aproveitou para deixar o seu gol.

5,5
Marcos Serrato

Tarde apagada.

5,5
Pedro Botelho

Afobado em campo. Precisa treinar este aspecto.

7,0
Octávio

Principal nome da equipe. Foi o responsável por um golaço.

6,0
Giancarlo

Teve lampejos criativos no meio de campo da equipe.

5,5
Jonathan

Outro apagado no jogo.

4,0
Marcel

Teve uma atuação bem aquém que entrou no intervalo e foi substituído com 21 minutos.

6,0
Hiroshi

Poderia ter sido o titular, faria o time render mais ofensivamente.

5,0 .
Thiago Espíndula

Não foi bem.

5,5
Estevam Soares

Não conseguiu fazer o time seguir o ritmo. Com o Vasco errando, poderia ter armado seus comandados de um jeito para vencer.

VASCO

5,5
Martin Silva

Não teve culpa no primeiro gol do adversário. No segundo, demorou para pular e assim não conseguiu evitar o empate.

4,5
Yago Pikachu

Não manteve um bom ritmo na direita, além de ter pecado no posicionamento. Tentou se lançar ao ataque, mas falhou.

5,0
Rodrigo

Aniversariante do dia (36 anos), o seu rendimento ficou aquém do esperado. Já está em uma sequência ruim na equipe.

6,0
Luan

Ao contrário do companheiro de zaga, segue em evolução. Foi coroado com um gol. Pecou só nos passes.

5,0
Julio Cesar

É outro que precisa passar por um projeto especial para recuperar a forma. Há algum tempo não vai bem.

4,5
Diguinho

Jorginho segue insistindo em deixá-lo entre os titulares. O desempenho que vem apresentando, porém, não justifica.

6,5
Andrezinho

Quando a equipe está sem Nenê, é o responsável em dar o poder de criação no meio de campo. Ainda marcou um gol.

5,0
Fellype Gabriel

Estreia apagada. Foi uma falha do técnico em tê-lo deixado como titular. Precisa de ritmo, começando como reserva.

4,5
Jorge Henrique

Não é a primeira vez que errou muito no ataque. Tanto no posicionamento, quanto na hora de finalizar para o gol.

6,0
Éderson

Foi quem mais procurou as jogadas. Posicionou-se bem e ainda conseguiu sofrer o pênalti no segundo tempo.

5,5
Leandrão

Precisa de um ponto urgente: trabalhar a saída da grande área e buscar a bola. Fica esperando. Se não chega, nada faz.

5,5
Eder Luis

Deu uma maior movimentação no setor ofensivo, apesar de ter pecado no momento do passe. Mas tem crédito no time.

5,5
Douglas

Outro estreante, a cria das categorias de base do clube teve um desempenho regular. Faltou somente o entrosamento.


Caio Monteiro

Entrou no fim.

5,0
Jorginho

Pecou em ter feito muitas alterações no time em um curto espaço de tempo. Para colocar em prática, tem de treinar.