São Januário é a casa vascaína (Foto: Bruno de  Lima/LANCE!Press)

São Januário é a casa vascaína (Foto: Bruno de Lima/LANCE!Press)

David Nascimento
30/01/2016
09:00
Rio de Janeiro (RJ)

A força do Vasco em São Januário sempre foi intensa. Com clima de caldeirão, o time tem o apoio importante de seus torcedores quando está em casa. Para buscar manter o título do Campeonato Carioca no clube, cinco das oito partidas da primeira fase do Estadual serão em São Januário, inclusive os clássicos. E é neste ponto onde surgiu um polêmico debate: a segurança do local para receber torcedores com muita rivalidade.

Após 11 anos, o Vasco voltará a receber o Flamengo em São Januário. Pela quarta rodada do Carioca, no dia 14 de fevereiro, os times se enfrentam no estádio. Na última vez que se estiveram no local, aconteceu uma intensa confusão entre os torcedores rubro-negros com os policiais que faziam a segurança na hora.

Das oito partidas na primeira fase do Campeonato Carioca, Vasco mandará cinco em São Januário

Desta vez, os dirigentes do Vasco conseguiram todos os laudos técnicos para a liberação de São Januário para receber qualquer tipo de partida – um ponto que era buscado há alguns anos. Adaptações chegaram a ser realizadas nas instalações, como a reforma da bilheteria do visitante.

– Fizemos as adaptações que foram pedidas e estamos em parceria direta com o Gepe (Grupamento Especial de Policiamento em Estádios). Temos todos os laudos válidos por um ano. Somos capazes de receber não apenas clássicos, mas qualquer tipo de partida – disse ao LANCE! o vice-presidente de obras e engenharia do Vasco, André Luiz Vieira.

Responsável de forma interina pelo Gepe durante as férias do major Silvio Luiz, o major Hilmar Faulhabers também conversou com o LANCE! sobre o trabalho realizado:

– Ainda há tempo para que haja a organização devida para a partida, mas observando alguns pontos, montaremos o efetivo para garantir a segurança dos torcedores presentes. Não apenas em casos de clássicos, mas fazemos esse tipo de planejamento para qualquer partida.

Técnico do Vasco, Jorginho falou sobre a importância do fator casa para a sua equipe ter mais facilidade de conseguir as vitórias. O comandante do time de São Januário ressaltou que vê o estádio como a melhor opção do Rio de Janeiro com os fechamentos do Maracanã e do Nilton Santos por conta do Rio 2016.

– O Vasco já demostrou o quanto é seguro São Januário, tivemos o jogo contra o Corinthians aqui no ano passado, acho muito bom, o estádio é preparado, não é dos mais modernos, e dentro dos limites que temos hoje sem Maracanã e Nilton Santos, São Januário é a melhor opção no Rio de Janeiro – disse o técnico.