JRicardo10

40 ANOS - Desde 1976 que Ricardo encanta o público turfista com seu talento (foto: Arquivo JCB)

Rafael Cavalcanti
27/09/2016
18:13

Ricardo, Ricardinho ou simplesmente Jota Ricardo: até mesmo quem nunca pisou no Hipódromo da Gávea já ouviu falar desse jóquei espetacular, o maior do mundo em atividade e que desde os 15 anos, portanto há 40, supera recorde atrás de recorde. Nesta sexta-feira, 30 de setembro, Jorge Antônio Ricardo completará 55 anos, com a mesma motivação que o levou ao topo do mundo: hoje Ricardo é o jóquei em atividade com maior número de vitórias, com 12.842, a 135 de Russel Baze, que parou de montar recentemente.

Radicado na Argentina há alguns anos, atrás de mais vitórias e reconhecimento profissional e financeiro, Ricardinho fez a sua carreira na Gávea, onde venceu a estatística por 24 vezes consecutivas, e levantou as principais provas, numa época em que dividia a raia com feras como Juvenal Machado da Silva e Goncinha, entre outros.

Ganhou tantos páreos que tornou possível entrar para o rol dos maiores do mundo. Ricardinho passou a perseguir a marca do panamenho Laffit Pincay, tendo em sua cola o canadense Russel Baze: em dezembro de 2006 Ricardo alcançou o topo do mundo.

Além de sua determinação e profissionalismo, Ricardinho, filho de Antonio Ricardo, o Bananeira, um dos maiores 'freios' que já passaram pela Gávea, deu mais um exemplo fora das pistas, ao superar com valentia um câncer linfático. Agora seu maior objetivo é superar o recorde mundial.

“Talvez eu ainda leve um tempo para conseguir, só mesmo o tempo vai dizer. Mas tenho que deixar claro que estou muito bem de saúde, com muita vontade e energia de sobra para buscar este recorde”, disse Ricardinho, em entrevista ao site JCB.

PRINCIPAIS CONQUISTAS
GP BRASIL: Venceu duas vezes.
* Com Falcon Jet, em 1992, sua primeira conquista, em final emocionante com Flying Finn, montado por Juvenal Machado da Silva, seu principal adversário nas pistas. Dois anos depois, ganhou com Much Better, desta vez, uma vitória fácil, com muita tranquilidade.

* GP LATINO: Foram cinco vitórias na prova mais importante do continente. Com Falcon Jet, em Cidade Jardim; Jinwaki, em San Isidro, duas vezes com Much Better (Gávea e La Plata); e com Good Report, também no Hipódromo de La Plata.
* GP PELLEGRINI: Foi bicampeão da maior carreira do turfe argentino. Sua primeira conquista aconteceu com o craque Much Better, do Stud TNT, em 1994. Depois, com outro cavalo brasileiro, Gorylla, ganhou a prova em 2003.
* GP RAMÍREZ: Na maior prova do turfe uruguaio, Ricardinho brilhou no dorso de Good Report, em 2007.
* GP BENTO: Uma das provas que ainda faltavam ao currículo do campeão era o GP Bento Gonçalves, maior carreira do Rio Grande do Sul. A vitória veio em 2007, com Starman, que repetiu o feito em 2008, garantindo o bi a Ricardinho.
* GP SÃO PAULO: Na maior prova do turfe paulista, Jorge Ricardo brilhou em duas oportunidades. Com Much Better, num dia muito triste, 1º de maio de 1994, quando morreu Senna, e com Mackbeth em 2005.