icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/04/2014
09:09

A eliminação na Liga dos Campeões para o Atlético de Madrid e depois a derrota para o Granada, pelo Campeonato Espanhol, deram início à uma crise sem precedentes na história recente do Barcelona. Tanto é assim, que até mesmo o desempenho do antes incontestável Messi passou a ser criticado.

Nesta segunda-feira, o diretor-esportivo do Barça, Andoni Zubizarreta, resolveu defender o jogador o argentino. Segundo o dirigente, que também é outro que está sendo alvo da ira da torcida, as atuações espetaculares de Messi acostumaram mal o torcedor do Barcelona.

- Ele está feliz no clube e com os seus companheiros. O problema é que ele nos acostumou mal. Ele treina bem e está bem fisicamente, mas sabe que o futebol apresenta desafios novos a cada semanada - afirmou Zubizarreta ao canal espanhol TV3.

Já o zagueiro Puyol, um dos símbolos do clube, foi mais enfático e disse que jamais se pode duvidar do talento de Messi.

- Não podemos duvidar de Messi. É o melhor jogador da história por tudo que nos deu e continuará a dar - afirmou o defensor.

A situação no Barcelona é tão tensa que os jogadores foram alvos de críticas em sua chegada à cidade espanhola. O brasileiro Neymar chegou a sofrer ofensas racistas.