icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci
20/11/2013
12:56

Santos e Victor Andrade negaram o desentendimento noticiado na noite da última terça-feira pelo LANCE!Net. Segundo o clube e o jogador, não houve o pedido para que ele viajasse junto com o time sub-20 para a decisão da Copa do Brasil da categoria, bem como a negativa do atleta.

O gerente de futebol do Peixe, Zinho, ainda ressaltou que a relação com o jogador está muito boa e fez elogios ao garoto, de 18 anos.

- Não houve confusão alguma. O Victor está trabalhando no dia a dia, treinando muito bem e com um comportamento ótimo. Estamos lapidando esse garoto no qual confiamos muito - disse, ao L!Net.

Zinho afirmou que conversou com outros atletas como Neilton, Pedro Castro e Leandrinho, que costumam ser aproveitados no time principal e disputarão a decisão com os juniores, contra o Criciúma, nesta quarta-feira. Porém, falou que a ida de Victor para a partida não foi sequer cogitada.

A informação publicada pelo L!Net dava conta que Zinho fez o pedido e o garoto se recusou, fato que irritou o dirigente.

Por meio de nota oficial, a assessoria de imprensa de Victor Andrade também negou o episódio. Ainda na terça-feira, o pai do jogador, Nelson Andrade, disse não estar ciente do episódio.

- Estou na rua e não fui comunicado. Mas, se for verdade, não vejo nenhum demérito em jogar pelo sub-20, pois ele tem idade. Isso é normal, desde que combinado previamente - disse, ao LANCE!Net, na ocasião.

Revelado no Peixe, Victor tem contrato com o clube até setembro do ano que vem.