icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
09/04/2014
18:53

O Zamora (VEN) entra em campo nesta quinta-feira, às 17h30 no Horto, contra o Atlético-MG, só pensando na classificação para as oitavas de final da Libertadores. Os venezuelanos têm sete pontos e só estão atrás do Galo, que lidera o Grupo 5 com nove pontos. Para avançar, os visitantes precisam vencer. Se empatarem vão depender de outro empate na partida entre Nacional (PAR) e Santa Fe (COL) ou de vitória de um dos times (estão empatados com cinco pontos) por pouca diferença de gols.

O time do técnico Noel Sanvicente veio ao Brasil praticamente completo. O único desfalque é do voltante Vargas, suspenso pelo segundo cartão amarelo. Nos treinos realizados no campo do Cruzeiro, o treinador sinalizou que pode começar com Angulo; Zafra, López, España e Ovalle; Torres, Flores, Ramírez e Clarke; Murillo e Juan Falcón.

Se o Zamora passar de fase quebra um tabu. Há cinco anos os venezuelanos não passam da Fase de Grupos. O último sucesso foi do Caracas, em 2009, quando Sanvicente era o treinador do time da capital.

- A classificação só depende de nós. Esta vai ser a partida mais importante da história do Zamora e, lamentavelmente, perdemos um jogador como Vargas - afirmou o técnico.

Os adversários do Galo chegam empolgados para o jogo. O Zamora lidera o Campeonato Venezuelano com 28 pontos e no último jogo goleou o Trujillanos por 5 a 2.