icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/04/2014
19:22

Responsável por perder o pênalti que sepultou as chances do Peixe de vencer o Campeonato Paulista, neste domingo, no Pacaembu, o zagueiro Neto tentou justificar a forma de sua cobrança. O goleiro Vagner defendeu o chute quase no centro do gol. Segundo o atleta, a tática do arqueiro rival, que se mexia antes da cobrança, o atrapalhou.

- O goleiro tava saindo muito e eu resolvi bater mais no meio do gol. Infelizmente isso acontece. Deus me deu essa oportunidade e virão outras. Estou chateado, mas Deus sabe o que faz. Agora é levantar a cabeça - afirmou o jogador.

Tentando confortar seu companheiro, o volante Alison, que converteu seu pênalti, teve o mesmo discurso, e disse que Neto ainda terá muitos títulos pela frente.

- É um momento de consolo para o Neto, ele não deve ficar com a cabeça baixa, ele terá muito título para decidir na carreira - comentou o meio-campista, que foi titular pela primeira vez no Paulista, justamente na final.

Na sexta-feira, no último treino do Santos aberto para a imprensa, o camisa 2 já havia chutado a sua penalidade para fora. Além dele, o atacante Rildo também desperdiçou a sua cobrança na decisão deste domingo.

Fez história! Ituano derrota Santos nos pênaltis e é campeão