icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/07/2013
19:19

A russa Yelena Isinbayeva, de 31 anos, confirmou nesta terça-feira que irá se aposentar após a disputa do Mundial de Atletismo em seu país, na cidade de Moscou, em agosto. A bicampeã olímpica e diversas vezes campeã mundial no salto com vara fez a declaração a repórteres durante o Campeonato Russo, na Moscow Luzhniki Arena.

– Minha carreira chegará ao fim no Mundial. Para mim, será um momento nostálgico. Quero curtir um grande final de carreira e mostrar o meu melhor no Mundial. Foi aqui em Luzhniki que eu ganhei meu primeiro título e aqui que minha carreira chegará ao fim. Espero grande apoio dos fãs no evento. Eu estou preparada para lutar pela vitória – afirmou Isinbayeva.

Em entrevista ao SporTV News em abril do ano passado, a atleta russa já tinha dito que pretendia deixar as competições um ano depois da Olimpíada de Londres. O motivo para deixar o esporte é para realizar o desejo de ser mãe.

Em 2009, Isinbayeva, dona do recorde mundial no salto com vara (5,06m), chocou o mundo ao falhar em todos os seus saltos na final do Mundial de Berlim, na Alemanha. No Mundial Indoor, em Doha, no Qatar, ficou apenas em quarto. Após esses resultados ruins, decidiu dar uma pausa na carreira.

Com a decisão de se aposentar, Isinbayeva frustra uma geração de torcedores brasileiros que torcia pela vinda da atleta na Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016.

– Não seguirá até o Rio de Janeiro?, me perguntaram. Respondi que sou dez anos mais velha que elas. Cabe a vocês seguirem o meu caminho. Agora, o Mundial de Moscou. E (depois) acabou – disse.

Em sua vitoriosa carreira, a atleta russa teve como uma de suas grandes rivais a brasileira Fabiana Murer. O ex-técnico de Isinbayeva, o ucraniano Vitaly Petrov chegou a trabalhar com as duas atletas.

Conquistas:

Medalhas em Olimpíadas
A atleta russa foi campeã olímpica em Atenas-2004 e Pequim-2008. Em Londres-2012, conquistou o bronze.

Medalhas em Mundiais
Em Mundiais Outdoor, foi campeã em Helsinque-2005 e Osaka-2007, e bronze em Paris-2003. Em Mundiais Indoor, ficou em primerio em Budapeste-2004, Moscou-2006, Valência-2008 e Istambul-2012. E foi prata em Birmingham-2003.

Recordes mundiais
Ela também estabeleceu 28 recordes mundiais no salto com vara, incluindo o atual, de 5,06m.

A russa Yelena Isinbayeva, de 31 anos, confirmou nesta terça-feira que irá se aposentar após a disputa do Mundial de Atletismo em seu país, na cidade de Moscou, em agosto. A bicampeã olímpica e diversas vezes campeã mundial no salto com vara fez a declaração a repórteres durante o Campeonato Russo, na Moscow Luzhniki Arena.

– Minha carreira chegará ao fim no Mundial. Para mim, será um momento nostálgico. Quero curtir um grande final de carreira e mostrar o meu melhor no Mundial. Foi aqui em Luzhniki que eu ganhei meu primeiro título e aqui que minha carreira chegará ao fim. Espero grande apoio dos fãs no evento. Eu estou preparada para lutar pela vitória – afirmou Isinbayeva.

Em entrevista ao SporTV News em abril do ano passado, a atleta russa já tinha dito que pretendia deixar as competições um ano depois da Olimpíada de Londres. O motivo para deixar o esporte é para realizar o desejo de ser mãe.

Em 2009, Isinbayeva, dona do recorde mundial no salto com vara (5,06m), chocou o mundo ao falhar em todos os seus saltos na final do Mundial de Berlim, na Alemanha. No Mundial Indoor, em Doha, no Qatar, ficou apenas em quarto. Após esses resultados ruins, decidiu dar uma pausa na carreira.

Com a decisão de se aposentar, Isinbayeva frustra uma geração de torcedores brasileiros que torcia pela vinda da atleta na Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016.

– Não seguirá até o Rio de Janeiro?, me perguntaram. Respondi que sou dez anos mais velha que elas. Cabe a vocês seguirem o meu caminho. Agora, o Mundial de Moscou. E (depois) acabou – disse.

Em sua vitoriosa carreira, a atleta russa teve como uma de suas grandes rivais a brasileira Fabiana Murer. O ex-técnico de Isinbayeva, o ucraniano Vitaly Petrov chegou a trabalhar com as duas atletas.

Conquistas:

Medalhas em Olimpíadas
A atleta russa foi campeã olímpica em Atenas-2004 e Pequim-2008. Em Londres-2012, conquistou o bronze.

Medalhas em Mundiais
Em Mundiais Outdoor, foi campeã em Helsinque-2005 e Osaka-2007, e bronze em Paris-2003. Em Mundiais Indoor, ficou em primerio em Budapeste-2004, Moscou-2006, Valência-2008 e Istambul-2012. E foi prata em Birmingham-2003.

Recordes mundiais
Ela também estabeleceu 28 recordes mundiais no salto com vara, incluindo o atual, de 5,06m.