icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2014
09:05

O meio-campo Yaya Touré, um dos destaques na conquista do título inglês pelo Manchester City, acabou com as especulações de sua saída. Muito se falou de uma relação conturbada entre jogador e clube, e houve até a possibilidade de virar a casaca e ir para o Manchester United. Barcelona e Paris Saint-Germain também estavam no páreo. Mas em entrevista a uma rádio, o marfinense colocou um ponto final nesta história.

- O clube sempre foi bom comigo e com a minha família. Não pensem em especulações, pelo que os torcedores e o clube fizeram por mim, tenho que ficar. É um prazer seguir sendo um "citizen" e quero ficar o maior tempo possível - disse Touré, à Sky Sports News.

Logo no fim da temporada, uma polêmica conturbou a relação. O City teria se esquecido de mandar um cartão de feliz aniversário, e isso somado a outras atitudes, irritaram Touré. Na altura muito foi dito que poderia retornar ao Barcelona.

Depois o irmão de Yaya e Koló Touré morreu, e o volante do City ficou irritado novamente, dizendo que o clube tinha impedido de ficar com ele antes da Copa do Mundo, já sabendo que estava muito doente.