icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/04/2014
13:21

O Internacional voltou aos treinamentos na manhã desta sexta-feira, no Centro de Treinamentos do Parque Gigante. Depois de dois dias de trabalhos fechados, o Colorado fez suas atividades no CT, com presença da imprensa. Juan participou normalmente. E Willians e Fabrício tiveram uma discussão, minimizada por Abel Braga.

O volante e o lateral se desentenderam após uma saída de bola com chutão do camisa 6. Ambos se xingaram e chegaram a caminhar um na direção do outro, mas foram contidos. D'Alessandro chegou a pedir para os fotógrafos e repórteres que não registrassem o fato com imagens. Mas, claro, não foi atendido.

O treinador colorado não pareceu se importar muito com o problema. Disse que foi uma discussão normal e que se trata apenas da adrenalina da final já presente no elenco do Inter. Lembrou o intervalo do Gre-Nal 400, na Arena, quando aifrmou que houve uma discussão séria no vestiário, que foi superada.

- Você viu que não esbocei reação. Achei até engraçado. Eu até sorri. Escutei alguém atrás de mim. Disseram que o jogador tinha trocado tapa, mas tapa pode. Não pode soco. Tapa é mimo - ironizou Abel Braga, falando sobre alguns relatos de repórteres sobre o fato.

Depois do problema, o treino seguiu normalmente. Abelão não deu indícios de time na atividade desta sexta. Juan trabalhou normalmente e não deve ser problema para o clássico, assim como Alex. O treinador colorado afirmou que não há dúvidas ou mistérios para a final de domingo. A tendência de Inter tem Dida; Gilberto, Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz e Alex; D'Alessandro, Rafael Moura e Alan Patrick.