icons.title signature.placeholder Lucas Bachião - Craque do Futuro
14/11/2013
13:48

Afastado dos gramados desde agosto, o volante Wellington Simião concedeu uma entrevista exclusiva ao LANCE!Net. O jogador falou sobre a lesão que sofreu no joelho esquerdo, lamentou a eliminação do Guarani na Série C. Disse também que pretende escrever seu nome na história do Alviverde Campineiro. Simião revelou ainda que tem como referência o volante Paulinho, da Seleção Brasileira e do Tottenham e, espera ajudar o clube a voltar para a Série A1 do Paulista.

Com contrato até o fim da Série A2, o volante lamentou a recente eliminação do Guarani no Campeonato Brasileiro da Série C e, afirmou que já está pensando em 2014.

Devido a uma lesão que sofreu no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, o camisa 7 planeja dar a volta por cima e assegurou que está evoluindo cada dia mais.

- Quando me machuquei, bateu a tristeza, porque eu estava indo bem na Série C. Estou respondendo bem ao tratamento, graças a Deus, tenho dado resposta e correspondido muito bem. O trabalho vem sendo feito com o fisioterapeuta Renan, e espero voltar o mais rápido possível - disse o volante.

Comparado com o estilo de jogo de Paulinho, volante da Seleção Brasileira e do Tottenham (ING), o atleta bugrino elogiou a qualidade do ex jogador do Corinthians, disse que pensa em subir na carreira, mas afirmou que o seu pensamento é ajudar o Guarani:

- A gente procura se espelhar nos melhores. O Paulinho fez a diferença no Corinthians, na Copa das Confederações e está fazendo no Tottenham. Fico lisonjeado de ser comparado com ele. Tento fazer o meu trabalho, visando o bom trabalho que ele faz, mas com as minhas características, do meu jeito. Paulinho é mais força, eu sou mais agilidade, por ser franzino. A gente se assemelha por chegar no ataque, finalizar muito e por organizar o jogo. Paulinho é Paulinho. Simião é Simião. O meu foco está aqui no Guarani.

Simião declarou que após sua lesão o amor pela torcida do Bugre só aumentou. O jogador sonha em escrever seu nome na história do clube. Ele mandou um recado para a torcida e prometeu honrar ainda mais a camisa do alviverde campineiro.

- Essa torcida me fez apaixonar cada vez mais pelo Guarani. O meu sonho é ajudar o Guarani a voltar para a Série A1. Espero dar esse presente ao torcedor. A minha maior vontade é escrever o nome na história desse clube - finalizou.