icons.title signature.placeholder Luis Fernando Coutinho
09/11/2014
12:35

Um dos nomes mais festejados do UFC de Uberlândia, que aconteceu neste sábado, no ginásio Sabizinho, foi Warlley Alves. O campeão da terceira temporada do The Ultimate Fighter Brasil fez luta dura contra Alan Jouban e venceu na decisão unânime dos juízes. Em coletiva de imprensa pós-evento, o lutador, nascido em Minas Gerais, falou sobre o confronto com o americano e elogiou a performance do rival.

- Não esperava que ele fosse aguentar tanta porrada. Machuquei a minha mão na cara dele. Ele bate duro também. O Alan valorizou muito a luta. Queria, inclusive, agradecer a ele essa batalha. A única coisa que não gostei foi que senti um pouco a costela durante a luta. O Jouban me acertou forte, mas consegui resistir - avaliou o lutador.

A vitória na decisão unânime rendeu diversos comentários na internet onde muitos fãs e profissionais discordaram da opinião dos juízes. Ao ser questionado sobre sua avaliação do confronto, o brasileiro junglou que foi melhor, mas sem entrar em polêmica.

- Eu, no começo, vi que o primeiro round foi meu. O segundo foi mais duro, mas consegui botar para baixo e fiquei por cima. O terceiro foi claro dele. Acho que os juízes estão preparados para julgar. Acredito neles, não estou aqui para contestar nada - finalizou.