icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/07/2014
18:59

O técnico Wagner Lopes saiu em defesa do Criciúma retrancado após a derrota por 2 a 0 para o Atlético-PR. Conforme o treinador, a estratégia de sua equipe não estava errada, tendo apontado defeitos nas atuações de alguns jogadores:

E MAIS:
> Criciúma apresenta novo atacante emprestado pelo Fluminense
> Reunião do Bom Senso FC com Dilma Rousseff tem presença de dirigentes
> Comitê de Ética da Fifa anuncia data de decisão sobre Qatar e Rússia

- A estratégia não foi errada, mas as peças não renderam tudo que podiam no jogo. Não gostei do posicionamento da zaga, temos que melhorar isso. O Ronaldo Alves se esforçou muito, mas pode render mais que hoje (domingo), da mesma forma o Rodrigo Souza. Mas a derrota é um somatório de coisas. Dentro da área, temos que marcar o homem e não a bola.

Para o próximo confronto do Tigre, diante do Vitória, Lopes garantiu um time mais ofensivo. O duelo, válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, ocorrerá no próximo sábado, às 18h30, no Estádio Heriberto Hülse.

- Acho melhor começar jogando fechadinho do que iniciar ofensivamente e tomar um gol cedo. Porém, não tivemos o rendimento que esperávamos. Tomamos gols em falta de atenção. (Em casa), precisamos atacar, sair para o jogo e sermos mais ofensivos. Vamos defender atacando e atacar defendendo - finalizou.