icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/07/2014
18:05

O técnico Guto Ferreira espera um Figueirense mais preparado nesta retomada de Campeonato Brasileiro. Após mais de um mês de treinamentos, o treinador alvinegro ressaltou que o torcedor do Figueira poderá ver uma equipe mais estruturada já nesta quarta-feira, às 19h30, quando o time enfrentará o Coritiba no Estádio Couto Pereira.

E MAIS:
> Próximo de retorno ao Brasileiro, Volpi afirma que Figueirense 'ajeitou a casa'
> Alex pede equilíbrio ao Coritiba para deixar a zona de rebaixamento
> Figueira inicia, quinta-feira, venda de ingressos para duelo com o Grêmio

- Acho que a gente teve um aproveitamento bastante positivo, tivemos a oportunidade de trabalhar bem. Logicamente, existe, como em qualquer treinamento, imprevistos. Acho que no somatório geral a gente consegue chegar com uma equipe estruturada e que tem condições de crescer dentro da competição. Temos uma equipe mais preparada do que antes, mais consciente daquilo que a gente quer dentro de campo, no trabalho do dia-a-dia - destacou.

Além do reencontro dos alvinegros com o Furacão do Estreito, a partida de logo mais será marcada pelas estreias dos novos reforços: o lateral chileno Roberto Cereceda, os meias Léo Lisboa e Kléber, experiente jogador qua atuava como lateral-esquerdo, e Pablo, atacante que jogou no Figueirense na campanha do acesso à Série A em 2013. Sobre este último jogador, Guto Ferreira explicou porque o colocou no lugar de Everaldo:

- O Pablo deve jogar porque é um jogador com uma característica de meia-atacante. É um jogador tanto agressivo, quanto com criatividade para também ter situações de mais articulação. O Everaldo é um jogador mais de ocupação de espaço, de invasão no um contra um. O Pablo faz isso e também trabalha situações de meia, então por isso estamos optando por começar com o Pablo, que foi muito bem nos amistosos.