icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
21/02/2015
01:07

O Praia Clube teve o apoio da torcida para conseguir um importante resultado na Superliga feminina de vôlei 14/15. Nesta sexta-feira, o time mineiro venceu o Pinheiros por 3 sets a 0 (25/20, 25/18 e 25/19), em 1h31 de jogo, no ginásio do Praia, em Uberlândia, Minas Gerais. A partida foi válida pela sétima rodada do returno da competição.

O resultado manteve o Dentil/Praia Clube na quarta colocação na classificação geral, com 42 pontos (14 vitórias e cinco derrotas). O Pinheiros caiu para a sexta posição, com 36 (12 resultados positivos e seis negativos). O quinto lugar é ocupado pela Camponesa/Minas (MG), com 37 pontos. O invicto Rexona-Ades (RJ) lidera, com 52, seguido pelo Sesi-SP, com 49, e pelo Molico, com 45.

A oposto cubana do Dentil/Praia Clube, Daymi Ramirez, foi a maior pontuadora do confronto, com 20 acertos. A líbero Tássia também se destacou e ficou com o Troféu VivaVôlei. A defensora da equipe mineira falou sobre o duelo contra o time paulista.

- Estudamos muito o Pinheiros durante a semana e conseguimos fazer o que o Picinin, nosso treinador, nos pediu no duelo. Foi uma vitória muito importante e o grupo todo está de parabéns. - afirmou Tássia.

O próximo desafio do Praia Clube na competição será o Molico, às 21h30 da próxima sexta-feira, no José Liberatti, em Osasco. Já o Pinheiros lutará pela reabilitação também contra o time de Osasco, só que na terça-feira, às 19h30, no Henrique Villaboim, em São Paulo.

MOLICO VENCE SÂO CAETANO

O Molico jogou em casa e venceu no tie-break o São Caetano por 3 sets a 2 (25/19, 17/25, 25/15, 22/25 e 15/12), em 2h25 de jogo, no José Liberatti, em Osasco. A líbero Camila Brait foi eleita a melhor da partida e ficou com o Troféu VivaVôlei. A ponteira Carcaces foi a maior pontuadora do confronto, com 24 acertos.

- O mais importante foi a vitória. São Caetano é um time complicado de enfrentar porque tem bastante volume de jogo. É mais um reinício da Superliga e o Molico está trabalhando para evoluir e chegar bem na reta final. Precisamos seguir treinando com intensidade para atuar com concentração durante toda a partida. - disse Carcaces.

SESI E UNIARA VENCEM NO TIE BREAK

Com o apoio dos torcedores, o Sesi venceu o Brasília Vôlei (DF) por 3 sets a 2 (25/19, 25/21, 23/25, 22/25 e 15/13), em 2h43 de jogo, na Vila Leopoldina, em São Paulo . A central Fabiana brilhou e ficou com o Troféu VivaVôlei. A ponteira Pri Daroit também se destacou e foi a maior pontuadora da partida, com 23 acertos.

A Uniara voltou a vencer na Superliga Feminina ao superar fora de casa o São José dos Campos  por 3 sets a 2 (19/25, 25/19, 19/25, 25/21 e 15/7), em 2h34 de jogo, em São José dos Campos. A levantadora Dau, do time de Araraquara, teve atuação destacada e ficou com o Troféu VivaVôlei.
A treinadora da Uniara/Afav, Sandra Mara Leão, comentou a atuação da sua equipe contra o time do Vale do Paraíba.

- São José dos Campos é uma equipe jovem e guerreira e possui um sistema defensivo muito bom. A nossa equipe demonstrou equilíbrio, maturidade e inteligência, fatores que foram decisivos para a vitória, fomos gigantes e estou muito feliz com este resultado. - analisou Sandra Mara Leão.

MINAS TRIUNFA FORA

A Minas superou o Maranhão por 3 sets a 1 (25/15, 18/25, 25/20 e 25/16), em 2h14 de jogo, no Castelinho, em São Luís. A central Walewska brilhou e ficou com o Troféu VivaVôlei. Apesar da derrota, o time maranhense teve a maior pontuadora do jogo, a oposto Eli Paulino, com 19 acertos.