icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/07/2013
17:31

Ainda sem clube para a próxima edição da Superliga, o ponteiro Murilo foi liberado para iniciar seu fortalecimento muscular após cirurgia no ombro direito realizada no início de maio. Agora, o jogador irá conciliar a fisioterapia com exercícios leves em uma academia.

- Estou feliz porque a recuperação está sendo muito boa, dentro do tempo, dentro do prazo. Estou me sentindo bem, não posso ter pressa, é hora de paciência, meu ombro precisa de tempo para estar 100% e esse é o meu objetivo, estar totalmente recuperado. Agora começa a parte de reforço muscular, ainda bem devagar, estou parado há dois meses, mas é um sinal de que tudo está caminhando da melhor maneira - disse Murilo.

O jogador, prata com o Brasil em Londres-2012 e em Pequim-2008, disse que no momento seu foco está na sua recuperação, e não na busca por um clube. Ele defendeu o Sesi-SP na última temporada.

- Só vou voltar a treinar e a jogar se estiver recuperado, quando estiver bem. Hoje a minha preocupação é essa, estar zerado, livre para jogar e sem qualquer limitação de movimento, sem dores - finalizou o jogador.

Ainda sem clube para a próxima edição da Superliga, o ponteiro Murilo foi liberado para iniciar seu fortalecimento muscular após cirurgia no ombro direito realizada no início de maio. Agora, o jogador irá conciliar a fisioterapia com exercícios leves em uma academia.

- Estou feliz porque a recuperação está sendo muito boa, dentro do tempo, dentro do prazo. Estou me sentindo bem, não posso ter pressa, é hora de paciência, meu ombro precisa de tempo para estar 100% e esse é o meu objetivo, estar totalmente recuperado. Agora começa a parte de reforço muscular, ainda bem devagar, estou parado há dois meses, mas é um sinal de que tudo está caminhando da melhor maneira - disse Murilo.

O jogador, prata com o Brasil em Londres-2012 e em Pequim-2008, disse que no momento seu foco está na sua recuperação, e não na busca por um clube. Ele defendeu o Sesi-SP na última temporada.

- Só vou voltar a treinar e a jogar se estiver recuperado, quando estiver bem. Hoje a minha preocupação é essa, estar zerado, livre para jogar e sem qualquer limitação de movimento, sem dores - finalizou o jogador.