icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/07/2013
08:16

O Botafogo terá na próxima rodada do Brasileiro um jogo teoricamente fácil. Localizado na última parte da tabela, o Náutico pode ser a equipe perfeita para a redenção alvinegra após a derrota para Grêmio. Contudo, o volante Renato acredita que o duelo será mais complicado do que o esperado.

- Temos a obrigação de vencer, ainda mais atuando em casa. Claro que não vamos sair como loucos, pois teremos uma partida difícil contra o Náutico. Temos que somar pontos agora para brigar pelo título - disse o camisa 8, afirmando que o time já assistiu a alguns lances do Timbu no campeonato:

- Nós já vimos algumas coisas,  mas vamos conhecer melhor o adversário nesta sexta. Temos uma ideia de jogo, mas o importante é manter nossa forma de atuar, para tentar abrir espaços na defesa do Náutico.

E MAIS
> Diretor alemão de filme no qual Dankler é personagem, torce pelo Bota
> Em busca da glória após drama, Dankler é 'astro' de filme internacional
> Jogadores do Botafogo decidem não se concentrar antes de pegar o Timbu

O jogador comemorou bastante o fato de o embate ser no Rio de Janeiro (em São Januário), pois a equipe não precisaria viajar para Volta Redonda e estaria mais próxima da torcida. 

- É importante nos jogarmos aqui, próximo do nosso torcedor. Ficamos felizes de não viajar mais uma vez, pois isso acaba gerando algum desgaste - frisou Renato.





O Botafogo terá na próxima rodada do Brasileiro um jogo teoricamente fácil. Localizado na última parte da tabela, o Náutico pode ser a equipe perfeita para a redenção alvinegra após a derrota para Grêmio. Contudo, o volante Renato acredita que o duelo será mais complicado do que o esperado.

- Temos a obrigação de vencer, ainda mais atuando em casa. Claro que não vamos sair como loucos, pois teremos uma partida difícil contra o Náutico. Temos que somar pontos agora para brigar pelo título - disse o camisa 8, afirmando que o time já assistiu a alguns lances do Timbu no campeonato:

- Nós já vimos algumas coisas,  mas vamos conhecer melhor o adversário nesta sexta. Temos uma ideia de jogo, mas o importante é manter nossa forma de atuar, para tentar abrir espaços na defesa do Náutico.

E MAIS
> Diretor alemão de filme no qual Dankler é personagem, torce pelo Bota
> Em busca da glória após drama, Dankler é 'astro' de filme internacional
> Jogadores do Botafogo decidem não se concentrar antes de pegar o Timbu

O jogador comemorou bastante o fato de o embate ser no Rio de Janeiro (em São Januário), pois a equipe não precisaria viajar para Volta Redonda e estaria mais próxima da torcida. 

- É importante nos jogarmos aqui, próximo do nosso torcedor. Ficamos felizes de não viajar mais uma vez, pois isso acaba gerando algum desgaste - frisou Renato.