icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
08/07/2013
12:26

Embora o diário inglês "The Mirror" tenha publicado que o atacante David Villa teria um acordo com o Tottenham, o jogador vai permanecer na Espanha. Porém, defendendo o Atlético de Madrid. Com a saída do espanhol, o brasileiro Neymar tem a possibilidade de herdar a camisa 7. A Joia foi apresentada no clube catalão ainda sem número definido.

Outra camisa que pode ficar sem dono é a 11. Atualmente pertence a Thiago Alcântara, mas o meia está na mira do Manchester United e sua saída parece questão de tempo. A 10 é de Messi.

A negociação de Villa foi confirmada nesta segunda-feira pelo Barcelona. O atacante irá para o Atlético de Madrid ao custo que pode chegar aos 5,1 milhões de euros (R$ 14,8 milhões).

A operação chama a atenção por ser praticamente a metade do valor que havia sido pedido pelo Barcelona ao Tottenham. Os Colchoneros ainda pagarão 2,1 milhões (R$ 6,1 milhões) à vista, mais dois milhões (R$ 5,8 milhões) se o jogador continuar no Atlético de Madrid para a temporada 2014/15, e milhão de euros (R$ 2,9 milhões) se permanecer para o período de 2015/16.

Curiosamente, a estreia oficial de Villa pelo Atlético de Madrid será justamente contra o Barcelona. As duas equipes irão se enfrentar pela Supercopa da Espanha.

Embora o diário inglês "The Mirror" tenha publicado que o atacante David Villa teria um acordo com o Tottenham, o jogador vai permanecer na Espanha. Porém, defendendo o Atlético de Madrid. Com a saída do espanhol, o brasileiro Neymar tem a possibilidade de herdar a camisa 7. A Joia foi apresentada no clube catalão ainda sem número definido.

Outra camisa que pode ficar sem dono é a 11. Atualmente pertence a Thiago Alcântara, mas o meia está na mira do Manchester United e sua saída parece questão de tempo. A 10 é de Messi.

A negociação de Villa foi confirmada nesta segunda-feira pelo Barcelona. O atacante irá para o Atlético de Madrid ao custo que pode chegar aos 5,1 milhões de euros (R$ 14,8 milhões).

A operação chama a atenção por ser praticamente a metade do valor que havia sido pedido pelo Barcelona ao Tottenham. Os Colchoneros ainda pagarão 2,1 milhões (R$ 6,1 milhões) à vista, mais dois milhões (R$ 5,8 milhões) se o jogador continuar no Atlético de Madrid para a temporada 2014/15, e milhão de euros (R$ 2,9 milhões) se permanecer para o período de 2015/16.

Curiosamente, a estreia oficial de Villa pelo Atlético de Madrid será justamente contra o Barcelona. As duas equipes irão se enfrentar pela Supercopa da Espanha.