icons.title signature.placeholder Marcio Porto
10/11/2014
17:56

O vice-presidente de futebol do São Paulo, Ataíde Gil Guerreiro, não recebeu bem a notícia do interesse do Flamengo em Luis Fabiano. O dirigente lamentou que isso aconteça agora que o atacante voltou a balançar redes - fez um gol no triunfo por 2 a 1 sobre o Vitória -, e falou até em renovar o contrato do camisa 9, que se encerra em dezembro do ano que vem. Ataíde garantiu que ninguém do clube carioca o procurou, nem ao Fabuloso, com quem já falou.

- Fiquei profundamente irritado. Ele se recuperou, volta a participar com a gente, está jogando muito bem de novo e surge isso. Eu gosto muito dele e sei da importância dele para o time. E se ele estiver jogando o que está jogando hoje, eu renovo com ele na hora. Quero que ele passe mais anos com a gente - afirmou Ataíde, em entrevista ao LANCE!Net.

Segundo o dirigente, Luis Fabiano fala em jogar por mais duas temporadas como profissional, mas se depender dele o prazo poderia ser estendido. O Fabuloso completou 34 anos no último sábado.

- Ele tem dito isso, dos dois anos. Mas acho que ele tem bola para jogar mais. Eu sempre falo para ele que quero ver ele passando os números do Serginho Chulapa - afirmou Ataíde, referindo-se ao maior artilheiro da história do São Paulo.

Luis Fabiano tem 196 gols pelo São Paulo, em 305 jogos disputados. Chulapa marcou 242. Faltariam, no caso, 47 gols para o Fabuloso se firmar como maior artilheiro do clube. Atualmente, é o terceiro maior, atrás também de Gino. Resta saber se, com o interesse do Flamengo, ele vai ter tempo e saúde para ultrapassar os números.

- Ele é uma pessoa muito boa. Ficou tempo fora por lesões, porque é um jogador muito explosivo. Mas não tem vícios, não bebe, não fuma, não é de farra. É ótimo profissional e espero que fique com a gente muito tempo. Mas ainda é cedo para falar disso - analisou o vice-presidente do São Paulo.

Após marcar um gol e dar passe para Kaká marcar outro no triunfo sobre o Vitória, no último domingo, Luis Fabiano disse que gostaria de renovar com o São Paulo, mas voltou a dizer que "o futuro a Deus pertence". O Flamengo vê com dificuldade a chegada do atacante, pelo custo benefício. O Fabuloso recebe cerca de R$ 600 mil mensais no Tricolor.