icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/11/2013
22:30

A sugestão de Rogério Ceni à diretoria são-paulina para que Muricy receba um papel em branco e renove seu contrato com o clube foi vista de forma bem humorada pela cúpula tricolor. Após a vitória sobre a Portuguesa, o vice-presidente de futebol João Paulo de Jesus Lopes disse ter plena convicção de que não só o treinador, mas também o goleiro, defenderão as cores do São Paulo na próxima temporada.

- Foi uma brincadeira do Rogério, brincadeira sadia. É o desejo de todos nós que o Muricy e o Rogério continuem. Eu acho, quer dizer, eu tenho certeza que os dois vão continuar. O Rogério brevemente vai tomar a decisão e eu não tenho dúvidas que será de manter o seu vínculo com o São Paulo e continuar jogando com a gente. Da mesma forma o Muricy, o Muricy deve deixar avançar um pouquinho e, no momento oportuno, o Juvenal vai conversar com os dois. Isso é assunto de estado maior. Pela minha sensibilidade, os dois vão continuar e o São Paulo fará toods os esforços para que isso ocorra - disse o dirigente, em entrevista depois do triunfo por 2 a 1, no Morumbi.

Ceni e Muricy têm contrato até o fim desta temporada. O comandante, conforme disse o presidente Juvenal Juvêncio, já tem apalavrada a extensão de seu vínculo. Já o goleiro ainda não se decidiu a respeito do que fará ao término de 2013 - se aposenta ou não. Pelo menos de acordo com o Jesus Lopes, o capitão seguirá no clube e jogando, afastando inclusive a possibilidade do São Paulo trazer um reforço para a posição.

- (O Rogério) Vai continuar vestindo a camisa número 1 para incômodo de muita gente que quer que o São Paulo contrate Julio Cesar e outros - completou o vice.